ACOMPANHE-NOS    
ABRIL, DOMINGO  11    CAMPO GRANDE 28º

Meio Ambiente

População lamenta derrubada de árvores na Avenida Gunter Hans

No trecho em que as árvores foram derrubadas estão sendo realizadas obras para a instalação de corredores de ônibus

Por Jhefferson Gamarra e Aletheya Alves | 25/02/2021 17:11
Testemunhas relatam que entres as espécies derrubadas haviam exemplares de Ipê (Foto: Aletheya Alves)
Testemunhas relatam que entres as espécies derrubadas haviam exemplares de Ipê (Foto: Aletheya Alves)

Moradores ficaram indignados com o corte de diversas árvores nesta quinta-feira (25), que acabou com a sombra no canteiro central da Avenida Gunter Hans, no bairro Aero Rancho. A derrubada ocorreu de forma repentina, colocando até ipês no chão.

“Eram umas nove da manhã quando chegaram com o caminhão e começaram a cortar, terminaram umas três da tarde, achamos bem estranho e ficamos com muita dó, porque são muitas árvores e tinha ipê ali, não sei se todos eram, mas tinha ipê”, lamentou o vendedor Rodrigo Lima que trabalha próximo ao local.

Fábio Afonso, morador da região, conta que as árvores faziam parte do dia a dia de todos que transitavam pela avenida. “Estávamos acostumados com as árvores, todos os anos floriam e tem a questão dos animais, tinham bastante pássaros que ficavam ali”, lembra.

No trecho, são realizadas obras para a instalação de novos corredores de ônibus.

Questionado sobre a derrubada das árvores, a Secretário Municipal do Meio Ambiente e Gestão Urbana, Luiz Eduardo Costa, informou que “pelo que parece [a derrubada] é sobre as obras do corredor de ônibus e teve processo de autorização para supressão”. Ele lembra que toda derrubada de árvores necessita de autorização emitida pela secretaria.

Até o momento da publicação desta matéria, a Agetran não informou se a remoção das árvores fazem realmente parte das obras de construção do corredor de ônibus.

Árvores foram removidas do canteiro central da avenida (Foto: Aletheya Alves)
Árvores foram removidas do canteiro central da avenida (Foto: Aletheya Alves)


Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário