A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 23 de Agosto de 2017

19/12/2013 17:34

André antecipa reforma e pode trocar cinco secretários em fevereiro

Lidiane Kober
André participou da solenidade de assinatura de convênio e empréstimos, através do FCO (Foto: Pedro Peralta)André participou da solenidade de assinatura de convênio e empréstimos, através do FCO (Foto: Pedro Peralta)

O governador André Puccinelli (PMDB) decidiu antecipar a reforma administrativa e trocará em fevereiro cinco nomes do primeiro escalão do governo. Os secretários vão disputar as eleições de 2014 e, pela legislação, deveriam deixar os cargos seis meses antes do pleito, em abril. Ainda hoje, ele fará uma reunião “para dar parâmetros e diretrizes” de como será a transição.

“Apesar de os secretários e dirigentes das autarquias poderem se desligar até 5 de abril, nós iremos antecipar essa data para fazer uma transição tranquila”, explicou André, nesta quinta-feira (19), em evento na Governadoria.

“Em fevereiro, após a publicação do orçamento do Estado, após o quadro demonstrativo de despesas de janeiro, será feita a transição para que se habilite a quem entre a ter a continuidade e cumprir as diretrizes governamentais”, completou o governador.

Secretário de Estado Extraordinário de Articulação, de Desenvolvimento Regional e dos Municípios, o ex-prefeito Nelsinho Trad (PMDB) já foi anunciado pré-candidato ao governo pelo PMDB. Ele, inclusive, chegou a cogitar deixar o cargo antes para se dedicar à pré-campanha. A vice-governadora Simone Tebet (PMDB) é cotada para concorrer ao Senado.

Ainda de acordo com André, o secretário de Habitação e Cidades, Carlos Marun (PMDB), irá tentar vaga na Câmara dos Deputados, cargo que também será pleiteado pela secretária de Desenvolvimento Agrário, da Produção, da Indústria, do Comércio e do Turismo, Tereza Cristina Corrêa da Costa Dias (PSDB).

Também deixará o governo para disputar as eleições o presidente da Sanesul, José Carlos Barbosa. Indagado se o secretário de Obras Públicas e de Transportes, o deputado federal licenciado, Edson Giroto (PMDB), é outro nome certo na disputa, André não confirmou a pré-candidatura do aliado político.

Se deixar a secretaria, Giroto volta à Câmara dos Deputados, no lugar do primeiro suplente, Akira Otsubo (PMDB). Já Marun reassume posto na Assembleia Legislativa e Professor Rinaldo Modesto (PSDB) volta para casa. Sobre os substitutos, André descartou nortear a reforma administrativa com foco político a garantiu que o único critério de escolha será “técnico”.

Câmara adia de novo votação da PEC que cria distritão e fundo eleitoral
Após várias tentativas de votação nesta terça-feira (22), a análise da Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 77/03, que altera o sistema político-e...
Câmara aprova parcelamento de dívidas de Estados e municípios com o INSS
A Câmara dos Deputados aprovou na noite desta terça-feira, 22, em plenário, a medida provisória 778/2017, que permite Estados e municípios parcelarem...
Votação da PEC do fim das coligações será retomada nesta quarta-feira
A Comissão Especial da PEC 282/2016, que propõe o fim das coligações partidárias e estabelece cláusula de barreira, teve que suspender o processo de ...



CANDIDATO ELEITO TEM QUE CUMPRIR SEU MANDATO "INTEGRALMENTE"...
Vamos questionar os candidatos os nomes do secretariado no plano de governo antes de votar, não vai sobrar margem para nomeações e acomodações de cupinchas.
Em época de eleição prometem defender os interesses do povo, mas depois de eleitos, fazem o jogo sujo da política e são acomodados, sem qualquer reclamação, em secretarias para atender interesses partidários e dar lugar aos companheiros que não conseguiram se eleger. Os partidos fizeram escola, e até o que diz representar os trabalhadores segue a cartilha.
Em 2014 vamos passar a régua. Vamos votar em candidatos que realmente representem o povo e não os interesses políticos e pessoais.
NÃO REELEJA !!!
NENHUM MERECE !!!

 
Carlos Ferreira em 19/12/2013 18:31:08
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions