A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

29/12/2012 12:14

André e Bernal discutiram impostos e cessão para não fechar 25 Ceinfs

Aline dos Santos e Carlos Martins
Puccinelli renovou cedência de servidores. (Foto: Rodrigo Pazinato)Puccinelli renovou cedência de servidores. (Foto: Rodrigo Pazinato)

Cessão de servidores para funcionamento dos Ceinfs (Centro de Educação Infantil) e impostos estiveram na pauta da reunião entre o governador André Puccinelli (PMDB) e o prefeito eleito de Campo Grande, Alcides Bernal (PP). O encontro foi na noite da última quinta-feira.

De acordo com Puccinelli, o governo autorizou a cessão de servidores para evitar o fechamento de 25 Ceinfs já a partir do dia primeiro. “Temos convênio de cessão de pessoal, já assinei. Veio o Nelsinho [Trad] pediu autorização que permaneça aquelas pessoas que estão no Ceinf, senão ele fecha 25 Ceinfs no dia primeiro”, afirmou. A cedência de pessoal concursado do governo para a prefeitura de Campo Grande acontece desde 2007.

Também foram discutidos ISSQN (Imposto sobre Serviço de Qualquer Natureza) e repasse do ICMS (Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços). “Foram orientações sobre várias coisas, por exemplo, o Estado tomou iniciativa, no nosso governo, de cobrar ISS para as prefeituras das obras que manda fazer em determinado município. O que acontecia, a empresa não dava bola para as prefeituras”, salienta. 

Sobre a redução do índice de ICMS para 2013 em Campo Grande, Puccinelli disse que orientou Bernal. “Você tem uma pessoa que entende de ICMS, que é o Ben Hur. Na hora que quiser, manda ele aqui". Wanderley Ben Hur da Silva é contabilista e faz parte da equipe de transição.

Governo do Estado investe R$ 9,2 milhões em infraestrutura em Caracol
Caracol vai receber mais de R$ 2,8 milhões em obras a serem executadas pelo Governo do Estado em parceria com a prefeitura e deputados federais e est...
Assembleia vota Orçamento de R$ 14,4 bilhões de 2018 na terça-feira
O Orçamento de R$ 14,4 bilhões do Governo de Mato Grosso do Sul para 2018 passará pela votação em segunda discussão na terça-feira (19) na Assembleia...


Os servidores não são municipais, nem há plano de cargo, carreiras e salários. O antigo prefeito teve desde 2007 para fazer concurso público e nada! Os CEINF's carecem de uma política menos assistencialista, nossas crianças pequenas devem ter uma equipe pedagógica nas 8h que ali ficam, não apenas 4h. Mas isso gera gasto, porque esses servidores estão ali para cuidar, brincar e educar dessas crianças e o salário não faz jus a atribuição! Até quando a Educação Infantil será desprivilegiada de ações educativas menos emergenciais e mais sérias?
 
Luciene Almeida em 30/12/2012 13:05:55
ISTO AI MEU GOVERNADOR, INTERVENHA MESMO, CASO CONTRARIO ESTE BERNAL É CAPAZ DE ATÉ FECHAR AS CEINFS...
 
ely monteiro em 29/12/2012 13:12:45
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions