A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

26/08/2011 10:22

Apoio a Murilo em Dourados passa por Délia Razuk e Marçal, diz André

Edmir Conceição e Fabiano Arruda

O governador André Puccinelli comentou em entrevista, durante o desfile de aniversário de Campo Grande, que nos três principais colégios eleitorais do interior do Estado – Dourados, Corumbá e Três Lagoas – não haverá hegemonia do PMDB.

Em Dourados, onde o PMDB tem três pré-candidatos – deputados Geraldo Resende e Marçal Filho e a vereadora Délia Razuk – eventual apoio à reeleição do prefeito Murilo Zauith (PSB) deve passar pelo crivo das lideranças locais. André citou Marçal e Délia como interlocutores dessa negociação, que pode vir a se concretizar ou não. O clima hoje é de alinhamento.

Quanto a Corumbá, o governador disse que o virtual candidato Paulo Duarte (PT) já descartou a reedição da aliança com o PMDB. Nesse caso, o partido vai buscar entre os vereadores o seu candidato.

Em Três Lagoas a reeleição ou lançamento de outra candidatura do PMDB passará pela vice-governadora Simone Tebet e seu marido, o deputado estadual Eduardo Rocha. Sobre a projeção de um candidato forte na cidade, conhecido como Guerreiro, Puccinelli fez uma analogia com a história de Aquiles, guerreiro admirado na antiga civilização grega, porém não imbatível, vencido por uma flechada. “O Guerreiro é bom, mas não é invencível”, comentou André.

Governo do Estado investe R$ 9,2 milhões em infraestrutura em Caracol
Caracol vai receber mais de R$ 2,8 milhões em obras a serem executadas pelo Governo do Estado em parceria com a prefeitura e deputados federais e est...
Assembleia vota Orçamento de R$ 14,4 bilhões de 2018 na terça-feira
O Orçamento de R$ 14,4 bilhões do Governo de Mato Grosso do Sul para 2018 passará pela votação em segunda discussão na terça-feira (19) na Assembleia...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions