A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

28/04/2015 14:20

Após briga em plenário, vereadores selam a paz e aprovam incentivos

Lidiane Kober Kleber Clajus

Após briga em plenário, vereadores selaram a paz e aprovaram, nesta terça-feira (28), projeto de incentivos fiscais e doação de áreas a sete empresas. O investimento soma em torno de R$ 31,6 milhões.

A matéria ficou na gaveta por sete semanas. No período, a oposição ao prefeito Gilmar Olarte (PP) bloqueou votações, houve intercaladas faltas de quórum e o Legislativo mergulhou em escândalo sobre quebra de decoro por suposta exploração sexual de adolescentes.

Além de doação de áreas, a proposta inclui isenção de ISS (Imposto sobre Serviços de Qualquer Natureza) e redução de IPTU (Imposto Predial Territorial Urbano) por até cinco anos. “A aprovação é um compromisso com a classe empresarial, mas muito mais com a trabalhadora pela geração de empregos”, resumiu a vereadora Thais Helena (PT).

Ela ajudou a obstruir a pauta em troca da reabertura do diálogo com a o setor da cultura e da nomeação do diretor-presidente da Fundac (Fundação Municipal de Cultura), além de integrantes do Conselho Municipal da Cultura.

A demora em aprovar o projeto, segundo o consultor de engenharia, Renan Hadykian, obrigará as empresas a reavaliar os impactos da taxa de juros e será necessário nova consulta de oferta de crédito.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions