A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

19/02/2013 15:38

Bancada de Bernal abandona plenário e fica fora de comissões

Josemil Rocha e Luciana Brazil
Vereadores discutindo; bancada de Bernal se rebela (Foto: Luciano Muta)Vereadores discutindo; bancada de Bernal se rebela (Foto: Luciano Muta)

A “paz” anunciada pelo presidente da Câmara de Campo Grande, vereador Mário Cesar (PMDB), e o prefeito da Capital, Alcides Bernal, durante a sessão inaugural esta manhã, virou uma “guerra” pelas comissões da Casa de Leis, logo em seguida, na sessão ordinária, com todos os nove vereadores da bancada governista, do PT, PSDB, PP, PSB e PPS saindo do plenário como forma de protesto. Os reflexos da disputa eleitoral do ano passado, entre Bernal e Edson Giroto, acabaram resultando em mais um embate na Câmara.

Ficaram de fora de todas as comissões da Câmara os vereadores Ayrton de Araújo (PT), Derly dos Reis de Oliveira, o Cazuza (PP), João Rocha (PSDB), Gilmar Neri da Cruz (PSB), Zeca do PT, Luiza Ribeiro (PPS), Marcos Alex (PT), Waldecy Batista Nunes, o Chocolate (PP) e Rose Modesto (PSDB). São os mesmos nove vereadores que votaram em Rose na disputa pela presidência da Câmara, dia 1º de janeiro, vencida por Mário Cesar, que obteve 20 votos.

O protesto da bancada governista, que ainda é minoritária na Câmara, foi liderado pelo ex-governador Zeca do PT, por considerar que a estava acontecendo um “massacre” pela maioria da Câmara, fruto de acordo que garantiu a eleição de Mário Cesar para presidente. Segundo ele, foi “constrangedor” para a minoria a oferta de ficar com apenas uma das cinco vagas em todas as 14 comissões, o que foi rejeitado. O líder do prefeito Alcides Bernal na Câmara, Marcos Alex (PT), disse que seus colegas de bancada foram “tratorados”.

Representando os vereadores do grupo, o tucano João Rocha chegou a propor um acordo durante a sessão, para que fosse adiada a definição das indicações para as 14 comissões, mas isso de nada adiantou. Falando em nome da bancada majoritária, constituída por PMDB, DEM, PDT, PR, PRB, PSC, PSD, PSL, PTB e PT do B, o vereador Airton Saraiva defendeu que as comissões fossem formadas imediatamente, a fim de que fosse respeitado o entendimento selando quando da eleição da Mesa Diretora da Câmara. Por esse acordo, os vereadores da maioria ficariam com quatro dos cinco integrantes de cada uma das 14 comissões da Câmara da Capital, habilitando-os, desta forma, a escolher os presidentes de todas elas.

A minoria governista, então, se rebelou em plenário. Houve votação dos líderes partidários e, por 15 votos a sete, prevaleceu a vontade da maioria oposicionista. O presidente da Câmara, Mário Cesar, diante das indicações realizadas e dos pedidos de retirada de nomes dos governistas, acabou “homologando” a formação das comissões sem a presença de nenhum dos parlamentares que apoiam Bernal.

“Ontem, construindo comissões com lideranças, o presidente da Câmara foi bastante coerente, falando de espaço para todo mundo. Mas hoje já chegou a notícia que já votaria todas as comissões. Não tivemos tempo de conversar, pedimos que debate fosse feito na quinta-feira, mas perdemos. O presidente até estava indo nessa tendência, mas na reunião com os vereadores que elegerem ele o Saraiva exigiu que o acordo fosse cumprido e, com isso, as comissões já foram escolhidas”, explicou a vereadora Luiza Ribeiro, sintetizando os bastidores da discussão. “Então não tinha espaço para gente. Se fosse só algumas comissões, tudo bem, mas só poderíamos indicar um vereador para todas as comissões”, completou ela.

Indagada se as negociações de Bernal para ampliar a base de sustentação política na Câmara ainda não surtiram efeito, em vista dessa nova derrota no Legislativo Municipal, Luiza explicou que são situações diferentes, já que se trata de acordo entre vereadores na época da eleição para a Mesa Diretora. “Bernal está conversando com vários vereadores, mas isso que teve aqui foi fruto de acordo da eleição da Mesa”, revelou.

Pelo menos publicamente, o presidente da Câmara, Mário Cesar, não demonstra concordância com Luiza Ribeiro. À imprensa, Mário culpou a bancada governista pela confusão desta manhã na Câmara da Capital. ´”Tínhamos consenso de algumas comissões, houve uma intervenção da oposição que, na minha avaliação, não foi coerente. Poderia fazer isso conversando”, disse ele. “Todo mundo estava sendo contemplado nas comissões, de acordo com tamanho da bancada”, emendou.

Ao final, as comissões da Câmara de Campo Grande ficaram com a seguinte composição:

Comissão de Constituição, Justiça e Redação – Paulo Pedra, Otávio Trad, Elizeu Dionísio, Airton Saraiva e Edil Albuquerque.

Orçamento e Finanças – Carla Stefanini, Herculano Borges, Flávio Cesar, Grazielle Machado e Alceu Bueno.

Comissão de Educação – Coringa, Herculano Borges, Carla Stefanini, Grazielle Machado e Eduardo Romero.

Defesa do Consumidor – Otávio Trad, Coringa, Vanderley Cabeludo , Chiquinho Telles e Paulo Pedra.

Comissão de Eficácia Legislativa – Eduardo Romero, Vanderley Cabeludo, Grazielle Machado, Elizeu Dionísio e Carla Stefanini.

Obras e Serviços Públicos – Jamal Salém, Edson Shimabokuro, Carlão, Edil Albuquerque e Alceu Bueno.

Comissão de Cidadania – Otávio Trad, Paulo Pedra, Herculano Borges, Paulo Siufi e Elizeu Dionísio.

Indústria e Comércio – Vanderley Cabeludo, Edil Albuquerque, Paulo Siufi, Airton Saraiva e Paulo Pedra.

Saúde – Elizeu Dionísio, Jamal Salém, Paulo Siufi, Alceu Bueno e Coringa.

Transporte – Flávio Cesar, Carlão, Alceu Bueno, Vanderley Cabeludo e Edson Shimabokuro.

Segurança – Carlão, Chiquinho Telles, Airton Saraiva, Herculano Borges e Otávio Trad.

Assistência Social – Carla, Coringa, Edil Albuquerque, Flávio Cesar e Paulo Siufi

Cultura – Eduardo Romero, Chiquinho Telles, Grazielle Machado, Edson Shimabokuro e Vanderley Cabeludo.

Meio Ambiente – Flávio Cesar, Eduardo Romero, Edson Shimabokuro, Chiquinho Telles e Airton Saraiva.

 



GENTE NOSSA, QUE TAMANHO DESPROPÓSITO ... , OS POLITÍCOS ELEITO TEM MAIS QUE TRABALHAR EM COMUNHÃO E A PROL DO POVO PARA MELHORIAS NA CIDADE, E NÃO FICAR COM PICUÍNHAS.
 
Arlindo Afonso Vilela em 20/02/2013 11:08:20
Quem votou nestas pessoas não são vitimas, são cumplices. Agora parem de reclamar e vivam com sua escolha.
 
Jean Lima em 20/02/2013 10:23:01
VOTEM NULO, OU QUEREM CONTINUAR SENDO POVINHO.
 
Eduardo Faria em 20/02/2013 09:55:25
não deveria ser pago nem hum centavo para vereador e deputado participar de comissão eles ja são pagos pra isso eu queria ver quem realmente ia querer participar das tais comissões.
 
jose roberto em 20/02/2013 08:48:51
O que está acontecendo na câmara é revoltante. A população esperando trabalho e esses vereadores brigando por cargo. O povo está vendo tudo... vai ter troco nas próximas eleições!
 
Toninho Oliveira em 20/02/2013 08:37:13
kkkkkkkkkkkkkkkkkkkk... como dizia um peão da fazenda do meu avô: "eu me adivirtu" (divertir, diversão) kkkkkkkkkkkkkkkkk... Não pediram o Bernal??? Leva pra suas casas... kkkkkkkkkkkkkk
 
José Roberto Partimore em 20/02/2013 08:29:16
Vergonha einh... e o Sr João aí em cima, certamente ganha alguma coisa com isso... pq a população só perde com tamanha falta de respeito.
 
laura almeida em 20/02/2013 08:06:03
enquanto eles brigam pelo poder. o povo se ferra.
 
hermes canhete em 20/02/2013 08:03:31
Como podemos eleger um cidadão como o senhor Zeca do Pt. Em campanha eles prometem trabalhar em prol da cidade, o que vemos é uma picuinha entre os nossos políticos. TOMEM VERGONHA NA CARA E VÃO TRABALHAR EM MELHORIA DE CAMPO GRANDE, NÃO FOI PRA ISSO QUE FORAM ELEITOS?
 
Sonia Farias de Miranda em 20/02/2013 07:50:22
Eu acho que esse vereadores juntamente com o sr prefeito ,deveria olhar mais para o povo e trabalhasse, pois ta uma palhaçada isso ai!!!!ficam brigando por causa de partido ... afff... ninguém merece , essee que fizeram protesto vou ver bem seus nomes para sair fora da minha lista de candidato..desde conversar igual gente fica tendo atitude idiota... vão trabalhar pq não é a toa que o salario de vcs e esse absurdo..
 
joice silva em 20/02/2013 07:34:42
FORA BERNALLLLLLLLLLLLLLLL SE ENXERGA CARA, AI PESSOAL QUE VOTOU NO
BERNAL, CONHEÇO ALGUNS QUE ESTÃO ARREPENDIDOS, BEM FEITO, SABE DA ÚLTIMA DO BERNAL, MANDOU OS PROFESSORES DA ÁREA DE INFORMATICA
EMBORA E NÃO VÃO RECEBER OS DIAS TRABALHADOS EM FEVEREIRO, ESTAMOS VOLTANDO NA ERA DA PEDRA, COMO FICA O ENSINO????? OS ASSESSORES DO BERNAL PELO VISTO É IGUAL A ELE NÃO ENTENDEM NADAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA
 
maria soares em 19/02/2013 23:00:28
Vamos marcar bem o nome e os partidos que estão brincando ser vereador! ai podemos saber em quem não votar. Eles estão fazendo igual as pessoas que votam em branco ou anula os votos, no caso dos vereadores eles so querem receber os salarios e ter mais poder....
 
Aires Abreu em 19/02/2013 22:50:18
Povo de Campo Grande, o que me parece é que os candidatos desses partidos: PMDB, DEM, PDT, PR, PRB, PSC, PSD, PSL, PTB e PT do B, só pensam e querem o poder e que o povo se lasque. Atrapalhando o prefeito, quem sofre é a população. Parecem que eles não pensam nisso. Na hora de votar, vamos lembrar disso.
 
Olavo Nunes em 19/02/2013 21:58:58
Isto acontece em qualquer lugar o gruo que forma a maioria vence e infelizmente ou felizmente este grupo venceu cabe o grupo perdedor se articular melhor para próximo embate vencer a disputa.
 
Alexandre Alves em 19/02/2013 21:43:11
Na realidade eu não consigo entender como o Bernal que ganhou com expressiva votação (repita-se, por vontade do povo) e é alijado pelos vereadores que também foram eleitos pelo povo. Será que Bernal virou uma comédia da população? - O prefeito é eleito mas não pode governar??? Acho que quem deve tomar cuidado são os vereadores e políticos que fazem oposição no município de Campo Grande. Realmente, a população demonstrou grande discernimento nestas eleições... vamos ver nas próximas...
 
Luciano Correia em 19/02/2013 21:08:16
PARABÉNS senhores vereadores, temos que aplaudir essa palhaçada toda. Foi para isso que votamos, enquanto esperamos soluções, temos é discussões. Isso é uma falta de vergonha, ridículo. Vocês só pensam em interesse próprio, a população é que se ferre, em quem mais podemos confiar, ou seja na campanha politica mais uma vez mentiram quando disseram em transparência, honestidade, fazer o melhor para a população. E o salário de vocês quem é que paga. Me sinto envergonhado a cada dia com tantas mentiras, brigas politicas, falcatruas. Precisamos acordar povo de Campo Grande, isso está virando cada mais uma bagunça.
 
José mauro dos Santos em 19/02/2013 21:01:58
Vereador devia ganhar R$ 100.000,00 por mês. Eles merecem. Fizeram sacrifícios para se elegerem. E assim seriam mais independentes. Parabéns ao prefeito e a todos os vereadores. São todos pessoas muito corajosas. Só os criticam quem não tem coragem de se candidatar.
 
joão pereira em 19/02/2013 18:50:07
trabalhar em prol de uma cumunidade devia ser de graça esses caras não deviam receber salários naum seria um exemplo de cidadania isso sim!!!!
 
sandra lima em 19/02/2013 17:50:54
é isso que dá uma revolta, o povo espera o carnaval pra começar a trabalhar e ainda fica brincando com o dinheiro do povo, ao invéz de trabalharem estão fazendo pirracinhas,vida mole é de parlamentar :x
 
Gisiane Anjo dos Santos em 19/02/2013 17:41:52
O Bernal é muito centralizador, a cada dia esta mais isolado no seu castelo de cartas. E melhor ser mais transparente e conversar com o povo, senão logo logo não terá nem mais o apoio da população.
 
Juarez Goncalves em 19/02/2013 17:02:35
Ho pior que eles ganham 15 mil cada um, e pode deixar o horário de serviço a qualquer momento sem cumprir a carga horária de serviço, melhor se tiver carga horária de serviço???pois duvido se tem, se tivesse não fica nessa briguinha, tipo magoei vou embora pra casa assistir novela o povo ta me pagando mesmo, e bem por sinal.............vou eu fazer isso no serviço, desconta na hora do meu suado salário........kkkkkkkkkkkkkkkk so rindo mesmo!!!
 
thiago barbosa em 19/02/2013 16:51:36
Isso demonstra como o tal zeca do PT está preocupado com o povo Campograndense.
Preferiu fazer bloquinho e sair da plenária ao inves de conversar e resolver com dignidade.
 
Ana Maria Gonçalves em 19/02/2013 16:32:28
É MELHOR ESTE POVO . PARAR DE BRIGAR , POIS SE ISTO PEGA A POPULAÇÃO VAI FAZER UMA GUERRA PRA TIRAR O BERNAL DO COMANDO DA PREFEITURA, CUIDADO BERNAL PRA VOCE NÃO SER EXPULSO DO BRASIL .. KKKKK
 
ely monteiro em 19/02/2013 16:22:59
concordo com vc Lucimar.
deveriam pensar mais no povo q elegeram eles e nao no poder.
 
Milton Nogueira em 19/02/2013 16:03:33
Achei que a briga era para trabalhar pelo povo ...... e não pra ver quem morde mais ..........kkkkk
 
LUCIMAR URBANO em 19/02/2013 15:51:57
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions