A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

11/02/2014 13:10

Bernal põe professora com câncer para trabalhar e revolta ex-aliado na Câmara

Bruno Chaves e Kleber Clajus
João Rocha se revoltou com a remoção da esposa de programa executado há 30 anos (Foto: Arquivo)João Rocha se revoltou com a remoção da esposa de programa executado há 30 anos (Foto: Arquivo)

O vereador João Rocha (PSDB), que ex-aliado, utilizou a palavra na Câmara Municipal, nesta terça-feira (11), para acusar o prefeito Alcides Bernal (PP) de perseguição política. Ele afirmou que a professora Rosemary da Costa Rocha, sua esposa, recebeu uma “intimação” da Semed (Secretaria Municipal de Educação) para abandonar um projeto de ginástica artística e retornar, de forma imediata, para as salas de aulas. O detalhe é que ela passa por tratamento de saúde em decorrência de câncer.

Segundo o parlamentar, o departamento de recursos humanos da Semed ligou para sua esposa, que é professora de educação física concursada, por volta das 18h30. No telefonema foi informado que ela deveria deixar o projeto de ginástica artística que coordena há mais 30 anos para retornar a sala de aula. O fator que mais revoltou, no entanto, diz respeito ao fato de Rosemay estar em tratamento médico, após um câncer superado na mama há cerca de cinco anos e que retornou no pulmão e ossos. Ela está fazendo quimioterapia.

João Rocha classificou a atitude atribuída a Bernal de “retaliação”. Ele questionou o porquê disso ter acontecido com ela, que é esposa de um vereador da oposição. O parlamentar ainda afirmou que o mesmo tipo de perseguição ocorreu com seu irmão, que também é funcionário da Prefeitura de Campo Grande e atuava em um projeto do Jardim Futurista.

“É estranho o prefeito agir dessa forma. Todos foram dispensados do projeto. O castigo é ser esposa do vereador João Rocha, mas também me preocupa os profissionais que não estamos vendo e que são tratados da mesma maneira. Eles são castigados porque são competentes. Na minha família não temos fantasmas e o prefeito está devolvendo a gentileza que fiz por ele todo esse tempo”, afirmou Rocha.

A revelação do remanejamento da educadora física gerou uma série de críticas ao prefeito. O vereador Flávio César (PT do B) analisou a atitude de Bernal como um “ato de tamanha crueldade”. “Isso tem se tornado uma constante com os servidores públicos”. A vereadora Carla Stephanini (PMDB) comentou o caso dizendo que governar exige equilíbrio, sabedoria e virtude cívica “que faltam a este senhor que foi eleito”. “E as outras Roses?”, questionou.

Airton Saraiva (DEM) disse que mais uma vez o prefeito mostra “perseguição impiedosa” e relembrou o caso da mãe de um de seus assessores de gabinete que foi demitida de cargo comissionado no Executivo. “A secretaria disse que resolveria a falha, mas até agora...”. Já Luiza Ribeiro (PPS), da base aliada, pediu a correção do equívoco.

Mario Cesar (PMDB), presidente da Câmara, afirmou que o caso de Rosemary não é isolado, “especialmente dentro da Semed”. Da mesa diretora, ele leu uma mensagem de uma professora que foi transferida da escola em que trabalhava para uma mais distante. O motivo seria um comentário em uma matéria do Campo Grande News.

Na nota encaminhada ao presidente da Câmara, a professora diz que o próprio secretário de Educação, José Chadid, disse que era inadmissível que uma funcionária pública se posicionasse daquela forma. Finalizando, Airton Saraiva voltou a falar e sugeriu que seja criado um disque denuncia para que possíveis casos de perseguição a funcionários públicos sejam investigadas.

Já Marcos Alex (PT) justificou que “Bernal não estava sabendo absolutamente nada” sobre o caso e que este foi tratado, com a presença de Luiza Ribeiro, na Prefeitura pela manhã. “Vamos tentar corrigir e ver com a Leila Machado da Funesp (Fundação Municipal de Esporte) o porquê disso”, pontua Alex.



Caro senhor Pedro Gomes, respondendo a sua pergunta: “Quem são vocês para julgarem uma pessoa doente ou um vereador?” Acredito que somos todos, eleitores, e pagadores de imposto de forma direta ou indireta. E capazes de decidir quem merece ou não nossa admiração, já que infelizmente a maioria dos projetos, que deveria ser de alcance de todos favorecem uma minoria ou dependendo do projeto, porque não dizer um grupo privilegiado.
A tribuna deveria ser usada para defender o direito da coletividade, e não interesses pessoais,não estamos tratando de uma pessoa ou funcionária qualquer, e sim de uma funcionária Pública, assim sendo o interesse e Público.
 
Maria Madalena Alves em 15/02/2014 09:56:32
Quem são vocês para julgarem uma pessoa doente ou um vereador? pra começar deveriam se informar antes de julgar, acho que deveriam pensar que ela esteve no Projeto de Ginastica Artística a muito tempo, você acha mesmo que teria necessidade dela voltar pra dentro de uma sala de aula? ah tantos outros professores esperando para trabalhar... desnecessário..
eu APOIO O VEREADOR JOÃO ROCHA, SEU FILHO IGOR ROCHA E SUA ESPOSA ROSEMARY ROCHA, são pessoas capacitadas, merecem o respeito e admiração de todos!
sempre são eles que estão por trás de grandes campeões, tanto no JUDÔ, quanto na GINASTICA ARTÍSTICA! graças a eles temos a única menina que ficou em 3° lugar no MUNDIAL DE JUDÔ do estado Layana Colman uma grande atleta. Acho que vocês deveriam serem mais compreensivos, amor ao próximo.
 
Pedro Gomes em 13/02/2014 11:39:01
ME DESCULPA MAS QUEM VOTO NESSE CARA TEM LIMPAR ESSA SUJEIRA QUE TA CIDADE
 
ALEX LIMA em 12/02/2014 17:02:16
Coitado do sr Celso é eleitor do Bernal.....péssimo prefeito.....pésssimo eleitor.lamentável
 
Cristiane Rondon em 12/02/2014 14:06:40
Analisando a gestão do dois prefeitos, a atual esta sendo a melhor, os servidores foram mais valorizados, já os comissionado, muitos que tinham mais de 20 anos de casa, que se achavam os poderosos por terem amizades influentes no meio politico, finalmente tiveram seu fim, pois as retalhações eram muito maiores a servidores concursados nos tempo da oligarquia pmdebista, e a imprensa não divulgava os fatos e acontecimentos como realmente eram. Infelizmente a imprensa esta conseguindo plantar uma semente ruim em relação a imagem do atual prefeito; e com isso, infelizmente, nas proximas eleições, se o povo não acordar e buscar saber como funciona real sistema político que envolve o Mato Grosso do Sul, seremos sempre governados pela oligarquia pmdebista e os coronéis sempre deitarão e rolarão
 
Renan Cesar Nogueira em 12/02/2014 13:11:28
Tem gente pensando, se ela esta em tratamento porque não se afastou do projeto também? pra mim e simples com certeza ser ginasta foi o sonho da vida dela, e gente vou falar por experiência própria ter aulas de circo me ajudou com a depressão e com certeza a ginástica artística esta ajudando ela. Agora com certeza a a culpa não e só do Bernal, mas cai tudo sobre ele por ter um governo ruim.
 
Allan David em 12/02/2014 10:38:59
saudade da administração do André e Nelsinho essa pessoa não sabe o que fala
 
celso gomes em 12/02/2014 10:09:19
se a digníssima esposa do vereador esta com câncer ela que se afaste e vá se tratrar. nao estar certo querer escolher onde trabalhar
 
alonso flores em 12/02/2014 09:51:54
se a esposa do vereador João Rocha esta doente ela tem que se aposentar, existem pessoas esperando por uma oportunidade de emprego a anos, o que não pode é uma pessoa ficar trabalhando doente, admiro o vereador sabendo exatamente do estado de saúde da sua esposa não ter ido atras para aposenta-la.
 
beth marques em 12/02/2014 09:46:19
maximiliano rodrigo antonio nahas acho que você não leu a matéria inteira, ou se leu, sofre de algum desvio de atenção, explicitamente está escrito que a senhora em questão é professora concursada de Educação física, logo ela não estaria lecionando numa sala de aula, mas estaria num sol escaldante de nossa cidade a passar atividades físicas aos alunos. Projetos sociais formam cidadãos também. Vejo como picuinha desse prefeitinho desorientado exigir algo assim. Vergonhoso ter um prefeito tão incompetente administrando uma cidade como Campo Grande, nossa capital nunca esteve tão entregue as traças e suja.
 
Eduarda Araujo em 12/02/2014 09:27:50
Julia Cardoso, como você vem dizer que ou puxa saco do prefeito ou vai sofrer represálias, o povo que trabalha em órgãos públicos está acostumado a ficar de boa trabalhando pouco e recebendo o dinheirinho tranquilo, agora mudou o prefeito o povo tem q trabalhar e vc chama isso de perseguição??? Não é querer te falar nada não, mas se seus amigos são "perseguidos" é porque eles não trabalham, e depois, eu trabalho em órgão público e ninguém me "persegue", estranho só alguns serem perseguidos...... Outra coisa, concordo com o Rodrigues, isso virou uma novela, enquanto esse povo ignorante ficar sentado sem fazer nada essa novela vai continuar, e ainda vai piorar com a midia tentando fazer a cabeça do povo...
 
Gabriel Gonçalves em 12/02/2014 09:19:27
Mas não é só no setor de educação não....o Bernal esta acabando com Campo Grande de forma rápida e eficiente. Hj de manhã ouvi um absurdo que foi falado pela agetran de que para se fazer a sinalização de área escolar ( responsabilidade do municipio, art, 24, II e III do CTB) seria necessário que a escola COMPRASSE as tintas.....senão teria que esperar na fila e iria demorar mto! POXA....já pagamos tantos impostos...e na hora que acontecer uma tragédia por falta de sinalização a Prefeitura vai se responsabilizar??afff....
 
Stephanie de Jesus Lima em 12/02/2014 09:15:43
foooooraaaa BERNAl.
 
jucimar de oliveira tavares em 12/02/2014 09:11:38
o servmed impcg,e o convenio medico da prefeitura,a qualidade do seviço e pessimo e caro,
e a cobrança e obrigatória,mas pela constituição federal artigo 5º inciso xx,não somos obrigados a engolir esse plano de saúde,a professora paga caro por esse convenio.
 
adriano godoy em 12/02/2014 09:09:33
é isso mesmo rodrigues & garcia, teremos que nos organizar, basta de safadeza! esses vereadores não fazem nada, passam o dia arquitetando planos para golpear a cidade, o objetivo deles é claro, nem o Bernal nem outro prefeito vai conseguir administrar a cidade, eles não querem o bem para a população e a cidade, eles querem o bem deles próprios.
 
beth marques em 12/02/2014 09:04:36
Se não fosse a esposa dele, será que o João Rocha estaria assim tão bravo? quantas professoras, motoristas, medicos, procuradores, faxineiras enfim quanto funcionário publico volta ao trabalho ainda em tratamento... vc podia se doar por todos né professor.
 
Tiago Mariano em 12/02/2014 08:52:15
É só ela mostrar o atestado do médico, não precisava isso tudo não voto no Bernal e nem no senhor João Rocha, pois ao invés de estarem lutando pelo povo estão pensando em si próprios foram elegidos pra quê?
 
Wanderleia Lesmo de Souza Benites em 12/02/2014 08:47:57
valquiria santos ,vc esquece que o sr.prefeito tem olheiros em todo canto ,e gente pra puxar o tapete é que não falta .
 
solange obara em 12/02/2014 08:46:19
OLHA AQUI SENHOR PREFEITO, OLHE MEU COMENTÁRIO POR FAVOR!
O SR. É O PIOR PREFEITO DE TODOS OS ÚLTIMOS TEMPOS. ADMITA ISSO. TRABALHE DE VERDADE POR CAMPO GRANDE. PARE DE FICAR COM ESTA POLITICAGEM. DE PERSEGUIÇÃO POLÍTICA. TRABALHE. NÃO VENHA DIZER QUE ESTÁ FAZENDO ALGUMA COISA PELA CIDADE, QUE O SR. NÃO ESTÁ. AUMENTOU O IPTU, A CIDADE ESTÁ CHEIA DE BURACOS, OS POSTOS DE SAÚDE ESTÃO LOTADOS E O SR. NÃO FAZ NADA. FICA CULPANDO A ADMINISTRAÇÃO ANTERIOR. SE ELES ESTAVAM TRABALHANDO MAL, ARREGACE AS MANGAS E TRABALHE MELHOR PARA QUEM SABE A HISTÓRIA DE CAMPO GRANDE SEJA MUDADA E QUE SEU NOME SEJA DE ALGUÉM QUE REALMENTE TRABALHOU E AJUDOU NO DESENVOLVIMENTO, QUE ATÉ AGORA NÃO VI NENHUM EM SUA ADMINISTRAÇÃO. SE ACHA QUE NÃO CONSEGUE PEGA SEU BONÉ E PEDE PRA SAIR!
 
Estevão Carlos em 12/02/2014 08:30:50
não é o prefeito que exige se ela volta a trabalhar ou não é o médico quem avalia pra isso tem Lei Trabalhista o laudo médico diz tudo tem Lei que ampara o funcionário
 
angelica miranda em 12/02/2014 08:14:07
esta retribuindo a gentileza igual fez com Reinaldo, chocolate, olartes, ben hur e fará assim com todos os que o apoiaram nas eleições e na câmara assim como esta fazendo com todos os que votaram nele, me sinto aliviado de não ter votado neste camarada.
 
aureliano sousa em 12/02/2014 07:51:58
Se está em tratamento médico teria que estar afastada!! ou está afastada
da sala de aula e ganhando p/ estar no projeto ? não entendi a reclamação
do vereador, ou será que porque é esposa do mesmo não teria os mesmos
direitos e deveres que os demais.
Pelo amor de DEUS vereador pelo jeito está faltando serviço na Câmara.
 
Adriano Franco em 12/02/2014 07:44:45
A injustiça que se faz a um, é uma ameaça que se faz a todos
"Montesquieu"
NEI SALVIANO
Publicitário
 
nei salviano em 12/02/2014 07:24:00
Muito triste tudo isso! Quem sabe agora o PSDB reflita um pouco sobre a escolha que fez na eleição passada. Afinal a professora Rose ficou anos trabalhando neste projeto, isto é, anos na administração do Nelson e André. Somos todos solidários. Mas pela lei quem está com esse tipo de doença pode se aposentar antes do tempo legalmente determinado.
 
Daniel Nunes em 11/02/2014 23:54:34
Esse e o bernal dos pobres , dos coitadinhos , humildizinho igual criança quando quer alguma coisa , e o povo caiu na lábia deste senhor gente o Pt vêm aí junto com ele não se esqueça do genuíno, do delubio, do dirceu , pizzolato e outros nós não temos um Joaquim Barbosa aqui não vcs viram nossos juízes como votaram , chutaram os vereadores,a OAB e o MPE e o pior de tudo a população de Campo Grande que me desculpem mas o prefeito não quis depor na câmara porque ?? Fica a pergunta para vcs responderem
 
Roni santos em 11/02/2014 23:21:45
Concordo com vc Valquiria não tem como o Prefeito ficar procurando quem é parente de quem. Isso é coisa do RH da SEMED aquilo virou casa de mãe Joana. Infelizmente a Educação esta sem comando é uma pena que o Prefeito ainda não acordou para o caos que se instalou na Educação.
 
Marcela Martins em 11/02/2014 23:14:07
cuidar da saude e prioridade..so quem e medico e governou a prefeitura sabe disso o bernal so e bom de microfone assim como eu de musica
 
paulo ratinho em 11/02/2014 22:51:29
Voltar a dar aulas é um carma? Ser professora em escola é sofrido?
Nobre vereador, quantas professoras estão doente e fazem presentes em salas de aulas?
Acredito que sua esposa ocupou o cargo na Funesp por indicação política. Bom, o tempo dela passou. Outra gestão.
Se ela está doente, muito simples: tire uma licença médica, ela tem todo o direito.
Lembrando que ela ainda se mantem no serviço público, como professora concursada, SEU CARGO DE ORIGEM! De vez em quando é bom voltar as origens.
Vereador, lute pelo coletivo, não simplesmente por manter sua esposa em algum cargo! Lute por todas as professoras doentes, que encaram salas de aulas lotadas. Lute pelos professores de educação física que ainda encaram quadras sujas, sem material básico.
Pare um pouco de olhar para o próprio umbigo!
 
Profª Maria Clara em 11/02/2014 22:35:59
45 AGORA É 11!!!!!!!!!!!
E AGORA AZAMBUJA? DE QUE LADO VOCE VAI FICAR AGORA SEU OPORTUNISTA POLÍTICO SANGUESSUGA.
45 AGORA É 11, LEMBRA?
 
Olavo de Carvalho em 11/02/2014 22:27:46
Meus parabéns senhor prefeito da cidade de Campo Grande.
Sempre as pessoas em primeiro lugar. O senhor já deveria estar fora dessa cidade há muito tempo, está acabando com a cidade de Campo Grande.
A cidade está suja, não está recebendo a limpeza que merece, me arrependo muito de ter votado no "senhor" prefeito Bernal.
 
Marcelo Assis em 11/02/2014 22:03:16
Concordo com o maximiliano rodrigo antonio nahas. Nesse caso, se o câncer realmente fosse um impedimento para trabalhar como professora, também impediria de trabalhar no projeto de ginástica. Acho que sei a diferença, como professora ela viajará apenas duas vezes por ano. No projeto de ginástica ela viajaria pelo menos uma vez a cada dois meses. Alguém tem outra explicação para essa revolta do nosso ilustríssimo vereador?
 
GEORGE VICTOR AIRES DE SOUZA em 11/02/2014 22:01:10
Tem muita gente que tem a mesmo doença e trabalha em empresas privadas, e não consegue ficar de licença para fazer o tratamento, agora um vereador vem questionar um pedido para que sua esposa volte ao trabalho, caso ela não esteja bem e só apresentar os laudos medido que tenho certeza que ficara novamente de licença. Esse vereador tem e que trabalhar mais, fazer algum tipo de projeto que traga mais qualidade de vida para a população, quantos mandatos ele vem como vereador sem apresentar nada.
 
Luis Barros em 11/02/2014 21:53:04
Concordo com vc Maximiliano, se esta doente que pegue atestado medico! Agora pra ficar no projeto e receber da prefeitura sem trabalhar ela tem condiçoes??? Que isso vereador? eu teria vergonha de ir na tribuna defender a esposa! se ela esta doente, é só readaptar ou pegar atestado medico para tratamento! ou ela é diferente dos outros funcionarios para ser privilegiada????
 
claudia silva em 11/02/2014 21:39:14
pra quem não sabe, a ginastica artistica e a ritmica são modalidades que despontam no estado por causa da Rose encabeçando uma luta para o desenvolvimento desta modalidade nas escolas. Uma luta q conheço a mais de 20 anos, ainda nos tempos de faculdade. A Rose, diferente do q possam pensar, não está c um cabide de emprego no projeto, lá ela trabalha e faz mais do q qqr secretaria imagina ou tem competencia p fazer. Esse prefeito é um insano, q não sabe nada e q é um INCOMPETENTE. Basta ver CG como está, um LIXO! A VAIDADE IMPERA NA PREFEITURA E NA INSANIDADE DO SEU COMANDO. ja disse, ele é Nero e vai por fogo em Roma (no caso CG).
O tratamento da profa Rose é uma luta diária. e eu sou solidária a ela e a familia, q tem meu apreço e meu respeito.
Fora c esse prefeito insano e incompetente.
 
Denise Jove em 11/02/2014 21:26:22
Concordo com a Etiene, tudo farinha do mesmo saco> O que nós contribuintes temos haver com os problemas de vocês políticos. Dando mal exemplo para nossos filhos, funcionários e população. Quem apoia ta comendo ou quer comer nosso patrimônio. Quem critica ficou sem comer e ta querendo voltar.
Políticos e afins, façam logo acordos e vamos cada um viver sua vida!! Parem de palhaçada, Quem trabalha, é honesto, sustenta o Pais, precisa de motivação. Vai chegar um momento que a boa intenção vai acabar. E o mundo vai virar um bando de papanatas, amorfos igual à vocês!!!!
 
Andre Mariani em 11/02/2014 20:42:00
me solidarizo com a colega professora,pois tbm sou.
Desculpe-me Srs Vereadores - o q vocês estão fazendo na câmara municipal que não colocam o digníssimo prefeito na rua. Ele acha q é um deus q pode fazer oq quiser.
VAMOS SRS. VEREADORES COLOQUEM ESSE PREFEITINHO NO LUGAR DELE.
 
Maria Angela Garcia em 11/02/2014 19:53:36
Quem disse ai que administrar um projeto de educação artística é mais desgastante que sala de aula, tá redondamente enganado,,entra numa sala de aula pra vc ver,, tenho certeza que muda de ideia bem rapidinho.
 
Tadeu Nemir em 11/02/2014 19:39:39
O vereador através de amizade política consegue alocar sua esposa em um local de trabalho lindo e maravilhoso(Esta atitude por ele é considerada normal ). Aí vem o prefeito e muda ela de lugar (Isto é considerado perseguição na visão do vereador !!). Façam me favor, todo mundo tira proveito dos cargos e quando alguém mexe nos preferidinhos, nossa começa a guerrinha. Cresçam gente e vão trabalhar !! Quem consegue vantagem com amizade política tem que saber que a vantagem serve só até o amigo estar no poder, se o amigo politico saiu, com certeza a vantagem vai sair também !!
 
antonio carlos em 11/02/2014 19:36:55
Maximiliano, acho que vc precisa entrar numa sala de aula para saber o quanto é "desgastante", como suga todas as energias, não é a toa que hoje temos inúmeros professores com inúmeras doenças readaptados.
 
diana lopes em 11/02/2014 19:30:09
ele esqueceu de explicar na época da campanha como ele concebia "as pessoas em 1º lugar". kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
 
deise cassol em 11/02/2014 19:27:55
é ai que vc se engana valquiria, o prefeito olha a ficha sim, (é bem a cara de quem fica no facebook atacando seus adversários) e nós que somos funcionarios (pelo menos na educação), levamos cada "indiretas" sobre nossas posições contrarias ao prefeito. Quer saber?? esse cara é um MALUCO.
 
ramao areco em 11/02/2014 19:26:57
Será que haveria essa mesma revolta, se fosse um outra professora que não fosse a mulher dele?
 
Francis P. Lucas em 11/02/2014 19:02:01
Valquíria Santos, por ventura você entende de politica? A mesma pergunta faço para os defensores desta matéria. Só gostaria de lembra-los que o João Rocha além de aliado do Bernal também é amigo desde a época de vereança dele, o mesmo conhece não somente os familiares do João como também de outros vereadores, além de defenderem algo que não sabe, fala de projetos, talvez vocês pertençam ao mesmo mundo "fantástico do bob (Bernal)" que o prefeito criou. Agora pergunto para que criar projetos para benfeitoria da cidade se ele veta? Ou será que vocês não estão acompanhando os noticiários, jornais impresso, revistas, mídia digital e etc. Eu acho que quem sai fazendo comentários sem fundamentos deveriam ler mais um pouco. E não ficarem postando mensagens cômicas. Ao menos sabem significado veto?
 
Leandro Fernando em 11/02/2014 18:17:12
Se a pessoa esta em tratamento de saúde deve entrar com afastamento.
 
Marisa Aluchna em 11/02/2014 17:56:47
É MESMO UM ABSURDO!!!!!!!!!!! DEPOIS APARECE GENTE AINDA Q TEM A CORAGEM DE COLOCAR, EM SEUS AUTOMÓVEIS A SEGUINTE FRASE DEIXA O HOMEM TRABALHAR.
COMO ASSIM? TEM Q SER DEIXA O HOMEM BRINCAR,PERSEGUIR E OUTRAS COISAS MAIS.
ESSE SER NÃO SABE ATÉ AGORA QUAL É A FUNÇÃO DELE NA CIDADE.
ESTA PERDIDO.
 
viviane lopes dos santos em 11/02/2014 16:51:05
Na minha opinião ela concursada em dar aula em educação física então volta pra escola. Agora a respeito do câncer deveria esta afastada fazendo seu tratamento.
 
Silvio Silva em 11/02/2014 16:42:22
o que sera que esse povo tem a esconder hein essa briguinha deles ai ja ta passando do limite, pois estão ganhando tempo levando a população no bico. e essa novela continua
isso é tudo fachada galera teremos que ir as ruas e pedir para campo grande mostrar a cara. esse povo ai estão nos enrolando
 
rodrigues & garcia em 11/02/2014 16:27:24
Não entendi seu comentário Abreu Velasco, na pauta da reportagem o que esta falando e a perseguição aos funcionários públicos, tando à aqueles que estão exercendo suas funções quanto aqueles que estão com projetos, não vi ninguém tomando lugar de ninguém ja que as pessoas citadas na reportagem são realmente funcionarias publicas. E vamos ser sinceros tenho muitos amigos funcionários públicos municipais que realmente estão sofrendo represarias pela equipe desse prefeito. Virou ditadura ou você puxa o saco do prefeito ou é punido de alguma forma. Não é atoa que ele esta enchendo os orgão publico de contratados (na maioria incompetentes) quando ele vai a rua faz esse povo largar o serviço para segui-lo, nomeando como a população. Enquanto a população de verdade tem que ficar esperando em filas
 
julia Cardoso em 11/02/2014 16:22:35
Na minha opinião o prefeito não vai ficar olhando a ficha de parentesco de todos os seus opositores só para perseguir e se vingar. Já passou da hora de todos esses vereadores apresentarem projetos, leis, começarem realmente a trabalhar para melhorar a cidade, parar com essas picuinhas.
 
valquiria santos em 11/02/2014 15:45:06
E só procurar seus direto como uma pessoa esta com problema serio voltar ao trabalho, isso e brincadeira pra isso temos as leis se não tem funcinario contrata.
 
itamar madalena em 11/02/2014 15:30:03
Gente!!!!!!! Esse Bernal vai de mal a pior.Inadmissivel as coisas que este Sr. esta fazendo.
Meu voto nunca mais.Tenso.....
 
Maria Dulce Paiva em 11/02/2014 15:26:36
Tudo farinha do mesmo saco!
 
Etiene mendonça em 11/02/2014 15:23:38
Trabalhamos juntos na SDS. João Rocha- sou solidária a você e a sua esposa! É um absurdo!
 
MARIADE FATIMA CARVALHO GABRIEL em 11/02/2014 15:21:43
Me desculpe o ilustrissimo vereador e a esposa, mas mesmo em tratamento ela está no projeto de ginastica artistica, que é mais desgastante do que lecionar em sala de aula, por ser concursada ela tem que ir para onde a prefeitura manda, por ser portadora de uma grave doença como é o cancer, ou ela pede afastamento e não faz nada, ou ela vai para onde a prefeitura mandar, o que não pode é escolher o que quiser e achar ruim se não deixarem.
 
maximiliano rodrigo antonio nahas em 11/02/2014 15:12:46
Meu Deus, o que será de Campo Grande. Que péssimo prefeito. Não faz nada de bom para a cidade, para a sociedade. O tempo bom de Nelsinho e André. Saudades da admnistração dos dois.
 
Cristiane Rondon em 11/02/2014 15:04:28
Ué porque tanta estranheza???quer dizer que á cadeira Cativa nos cargos públicos???por isso estranham, tinha gente tomando lugar de concursados, mesmo sendo contratados, agora estão querendo dar rotatividade e novas oportunidades e estão estranhando???
 
Abreu Velasco em 11/02/2014 14:14:12
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions