A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

26/10/2014 16:29

Candidato a governador do PT foi advertido por aglomeração, diz TRE

Francisco Júnior e Leonardo Rocha
Delcídio não fez boca de urna, mas provocou aglomeração. (Foto: Alcides Neto)Delcídio não fez boca de urna, mas provocou aglomeração. (Foto: Alcides Neto)

Trata-se de Delcídio do Amaral (PT) o candidato ao governo do Estado que teve um incidente em uma sessão eleitoral neste domingo (26), em Campo Grande.

O chefe de Cartório da 8ª zona eleitoral da Capital, Flávio Alexandre Martins, negou que o candidato petista tenha sido flagrado fazendo boca de urna. Conforme Martins, Delcídio, juntamente com Ricardo Ayache, candidato derrotado ao senado, com o ex-prefeito de Campo Grande, Alcides Bernal, e com o deputado federal eleito, Dagoberto Nogueira, esteve na Escola Estadual Waldemir de Barros e provocou uma aglomeração no local. “Eles estavam dentro da zona eleitoral, eles não pediram voto, não teve boca de urna, mas estavam gerando um a aglomeração no local”, explicou.

Segundo o chefe do cartório, o servidor da Corregedoria do TRE (Tribunal Regional Eleitoral) daquela sessão orientou eles para que não ficassem no local, para não que não gerassem aglomeração.

O incidente foi registrado na ata da eleição, procedimento padrão feito quando situações consideradas anormais acontecem durante a eleição.

Candidato a governador é flagrado em boca de urna, segundo TRE
O TRE (Tribunal Regional Eleitoral) informou, no início desta tarde, que foram registradas 14 ocorrências de crimes eleitorais em Mato Grosso do Sul ...
Tribunal marca julgamento da apelação de Lula para janeiro de 2018
O Tribunal Regional Federal (TRF) da 4ª Região, sediado em Porto Alegre, marcou para 24 de janeiro de 2018 o julgamento da apelação do ex-presidente ...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions