A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

31/08/2010 16:49

Candidatos prometem atender reivindicações da educação

Redação

No debate desta terça-feira, em Campo Grande, os três candidatos a governador de Mato Grosso do Sul receberam uma lista com sete reivindicações da Fetems (Federação dos Trabalhadores em Educação) e se comprometeram a atender os compromissos da Conferência Nacional da Educação.

Candidato à reeleição, o governador André Puccinelli (PMDB) afirmou que quer a valorização profissional, ampliar os recursos para educação e defendeu a Desvinculação das Receitas da União para que os 25% destinados à área "serem efetivamente aplicados".

Puccinelli prometeu bibliotecas e laboratórios em todas as escolas públicas estaduais, além de ampliar a educação especial e criar escolas profissionalizantes.

O governador contou ainda que fez 15 audiências com a Fetems durante o mandato e que, se for reeleito, irá convidar a federação para uma nova conversa já no dia 4 de outubro (um dia após a eleição).

Já o ex-governador Zeca do PT disse que chamou na manhã de hoje o deputado federal Antonio Carlos Biffi e o deputado estadual Pedro Kemp (ambos do PT) para criar um espaço de diálogo para valorizar a educação. Os dois parlamentares ficarão responsáveis por discutir os assuntos relacionados à pasta.

O candidato petistas disse ainda que irá aumentar o PIB (Produto Interno Bruto) da educação e tratar com respeito os servidores da área.

Nei Braga (PSOL) afirmou que é interesse do PSOL atender tudo o que beneficia a população trabalhadora e que acredita na seriedade dos compromissos definidos na Conferência Nacional da Educação.

No documento com as reivindicações da Fetems entregue pelo presidente Jaime Teixeira aos candidatos constam reivindicações como de 1/3 de tempo para planejamento das aulas, realização de concurso público para educação e concurso para diretor sem seleção prévia.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions