A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

24/05/2012 15:31

Carlão desiste de ser candidato e sugere Lauro Davi como vice do PSD

Wendell Reis
Carlão afirma que o PSB estudará o melhor caminho para eleger mais vereadores em Campo Grande (Foto: João Garrigó)Carlão afirma que o PSB estudará o melhor caminho para eleger mais vereadores em Campo Grande (Foto: João Garrigó)

O vereador Carlos Augusto Borges (PSB), o Carlão, afirmou nesta quinta-feira (24) que não será candidato a prefeito em Campo Grande. Ele chegou a dizer que seria candidato caso o PSB, aconselhado pelo senador Delcídio Amaral (PT), aceitasse apoiar Antônio João Hugo Rodrigues (PSB), apostando que isso seria melhor para a oposição, que ganharia mais uma voz.

O vereador explica que conversou com o presidente estadual do PSB, Murilo Zauith, e teve o aval para poder conversar com todos os partidos em Campo Grande, antes de anunciar o apoio e levar aos aliados o tempo de 1min19s na propaganda eleitoral.

O único vereador do PSB em Campo Grande explica que uma aliança com o PSD seria boa apenas para sua reeleição, visto que poderia se eleger facilmente, com a necessidade de menos votos do que precisaria em uma aliança com partidos mais fortes.

Ao ser indagado sobre o pensamento defendido por lideranças do PSB, como o deputado Lauro Davi, que apoia algo maior, Carlão faz uma sugestão: “Por que o Lauro Davi não se candidata a vice-prefeito do partido que ele quer apoiar?”.

Carlão afirma que o PSB fará contas para ver o que é melhor para o partido, atendendo o propósito de fazer de dois a três vereadores. Segundo ele, para eleger um vereador em Campo Grande, seriam necessários pelo menos 16 mil votos. Caso tenha que fazer campanha junto com o PT, Carlão diz que será a primeira vez na vida, lembrando que está com o governador André Puccinelli (PMDB) desde 1996, quando ele venceu Zeca do PT por 411 votos em Campo Grande.

Reforma da Previdência deve ser votada na semana que vem, diz Meirelles
A reforma da Previdência deve ser votada na semana que vem, de acordo com o ministro da Fazenda Henrique Meirelles. A declaração foi dada na noite de...
Quanto mais reforma demorar, mais dura será correção, diz ministro
Caso o governo não consiga aprovar a reforma da Previdência ainda este ano, conseguirá em 2018, disse hoje (11) o ministro do Planejamento, Dyogo Oli...


atitude sabia vereador carlão, terás que tomar decisões com a chegada da convenção
deixa as alianças acontecerem de sua forma, não se abale pois a politica é isso ai no nosso municipio tem politicos e partidos de gente boa e honesta............
parabéns pela atitude!!!!!
 
elza matos em 25/05/2012 01:55:57
O carlão está igual o dagô, já quer pular no ultimo degrau, olhos grande demais pega poeira cêdo.
 
luiz alves em 25/05/2012 01:02:53
Carlão e suas bravatas. Era de se esperar nunca iria deixar de roer o osso e ir para o suicídio elelitoral.
 
Roberto Domingos em 24/05/2012 04:45:22
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions