ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
MAIO, QUARTA  22    CAMPO GRANDE 24º

Política

Com meta de eleger 4 vereadores, Youssif Domingos disputa comando do MDB

Outras três liderança estão no pleito: Djalma Santana, Jamal Salem e Vanderlei Cabeludo

Por Gabriela Couto | 16/04/2024 10:04
Youssif Domingos durante entrevista na sede do Campo Grande News, nesta terça-feira (16) (Foto: Clara Farias)
Youssif Domingos durante entrevista na sede do Campo Grande News, nesta terça-feira (16) (Foto: Clara Farias)

Os 45 membros do diretório municipal do MDB se reúnem nesta terça-feira (16), a partir das 18h, para definir quem será o presidente do partido em Campo Grande. Sem chapa de consenso, disputam o cargo quatro lideranças históricas da legenda: Djalma Santana, Jamal Salem, Youssif Domingos e Vanderlei Cabeludo. O resultado deve ser divulgado ainda hoje, após às 19h30.

Youssif, um dos nomes fortes na disputa, tem 61 anos e é filiado ao MDB há 22. Ele afirma que tentou compor com os colegas. “Da minha parte, quem ganhar vai ter meu apoio. Se eu for eleito pretendo reunir o partido e já iniciar as tratativas para as eleições deste ano. Acredito que conseguimos eleger quatro vereadores”.

Domingos também é pré-candidato a vereador. O partido já tem 30 nomes na chapa proporcional.

Em visita ao Campo Grande News nesta terça-feira (16), Youssif relembrou a trajetória política. “Sou o sétimo vereador mais votado da história da cidade, quando recebei 8.629 votos. Fui deputado estadual e depois de passar por uma cirurgia no coração, passei pela Agems (Agência Estadual de Regulação de Serviços Públicos de MS) e TV Educativa até 31 de dezembro de 2022. Estou pronto para ajudar Campo Grande”.

A eleição para a presidência do partido ocorre em um momento atípico. A cadeira foi desocupada por Ulisses Rocha, que deixou o MDB para se filiar ao PP e assumir a função de secretário-adjunto da Segov (Secretaria Municipal de Governo e Relações Institucionais).

Ficou atuando interinamente a ex-deputada estadual Antonieta Amorim que era vice-presidente do diretório. No entanto, ela decidiu abrir mão da função e portanto foi necessário uma nova eleição.

Receba as principais notícias do Estado pelo Whats. Clique aqui para acessar o canal do Campo Grande News e siga nossas redes sociais.

Nos siga no Google Notícias