A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 15 de Dezembro de 2018

11/05/2010 15:23

Delcídio discute com ministra inclusão de MS no PAC 2

Redação

O senador Delcídio do Amaral(PT) esteve reunido hoje pela manhã coma nova ministra-chefe da Casa Civil da Presidência da República, Erenice Guerra, que substituiu a pré-candidata Dilma Roussef.

Durante a conversa, ele solicitou a inclusão do maior número possível de municípios de Mato Grosso do Sul na segunda etapa do PAC 2 (Programa de Aceleração do Crescimento). Só Campo Grande, tem projetos na ordem de R$ 400 milhões.

"A ministra me pediu que esclarecesse os prefeitos sobre os critérios definidos pelo governo para o acolhimento de projetos a serem contemplados no PAC 2", esclareceu Delcídio, lembrando que, conforme os critérios, o número de habitantes vai definir quais obras poderão ser contempladas.

Os planos do governo federal são de investir nos próximos 4 anos R$

503,9 bilhões em todo o País.

Em locais com mais de 70 mil habitantes, como Campo Grande, Três Lagoas, Corumbá, Ponta Porã e Dourados, os recursos são para projetos de prevenção em áreas de risco, mobilidade urbana e a construção de complexos esportivos.

Onde a população é igual ou inferior a 50 mil, as obras devem ser de saneamento, habitação, pavimentação, aquisição de equipamentos para manutenção de estradas vicinais e a construção de creches, pré-escolas e unidades básicas de saúde.

Amanhã haverá uma reunião em Brasília com Caixa Econômica

Federal, técnicos e representantes de prefeituras das cidades com mais de 70 mil habitantes, interessadas em aprender como elaborar os projetos a serem submetidos à apreciação do governo para inclusão no PAC 2.

"Em relação aos municípios com menos de 50 mil habitantes, a idéia é

atender os dirigentes durante a marcha dos prefeitos que acontecerá de 18

a 20 de maio em Brasília", explica Delcídio. (Com informações da assessoria do senador)

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions