A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

11/06/2013 18:07

Depois do repúdio histórico, Câmara aprova 1ª moção favorável a Bernal

Zemil Rocha e Jéssica Benitez
Alex do PT tentou agradar André com moção, que, porém, era repetida (Foto: Marcos Ermínio)Alex do PT tentou agradar André com moção, que, porém, era repetida (Foto: Marcos Ermínio)

A Câmara de Campo Grande aprovou na sessão desta terça-feira moção de congratulações ao prefeito de Campo Grande, Alcides Bernal (PP), proposta pelo vereador Paulo Pedra (PDT), seu mais novo aliado no Legislativo municipal. A moção decorreu do fato de Bernal ter estendido o benefício do Passe do Estudante para cinco mil alunos matriculados nos cursos técnicos profissionalizantes de Ensino Médio da Capital.

Esta é a primeira moção favorável a Bernal aprovada pelos vereadores. No dia 19 de março aconteceu um fato inédito: Pela primeira vez, em 110 anos de história, a Câmara de Campo Grande aprovou uma moção de repúdio contra o prefeito da Capital. Dois meses depois, no dia 14 de maio, uma outra moção tinha sido aprovada, também de cunho negativo contra Bernal. Foi uma moção de congratulações ao jornalista Helton Verão, do Campo Grande News, que foi constrangido publicamente por Bernal durante reunião com diretores de Ceinfs (Centros de Educação Infantil).

Na hora da votação da moção de congratulações para Bernal, nesta manhã, todos aprovaram, mas o vereador Airton Saraiva (DEM) não gostou nada. Disse que não passa de obrigação do prefeito estender o Passe do Estudante aos alunos dos cursos profissionalizantes. “Fez cortezia com chapéu alheia. A população é que paga pelo Passe do Estudante. Não merece essa moção”, protestou Saraiva.

Na mesma sessão, um pouco depois, o líder do prefeito, vereador Marcos Alex (PT), para incentivar o clima de pacificação, propôs moção de congratulações ao governador André Puccinelli por ter criado a Secretaria da Juventude e escolhido o vereador Herculano Borges para chefiá-la. Foi informado, porém, que Já tinha sido aprovada uma moção por esse motivo no mês passado. “Não tem problema, quero parabenizar o André do mesmo jeito”, afirmou Alex do PT.

Três projetos - A Câmara de Campo Grande aprovou três projetos na sessão ordinária desta terça-feira (11). O mais relevante deles, em regime de urgência, é o projeto de lei nº 7.386/13, de autoria do vereador Gilmar da Cruz (PRB), que institui a “Semana de Prevenção e Combate ao uso de crack e drogas e afins”.

Dois outros projetos de interesse da Casa foram aprovado. Em regime de urgência foi aprovado o projeto de resolução n° 238, de autoria da Mesa Diretora, que fixa a data de 19/06/13 para a realização de Sessão Itinerante da Câmara Municipal no Conselho Regional de Engenharia e Agronomia de Mato Grosso do Sul – CREA/MS.

Já em única discussão e votação foi aprovado o projeto de resolução n° 230/13, de autoria dos vereadores Carlão (PSB) e Cazuza (PP), que institui no âmbito da Câmara Municipal de Campo Grande a disponibilização de intérpretes de Libras e dá outras providências.

 

Reforma da Previdência deve ser votada na semana que vem, diz Meirelles
A reforma da Previdência deve ser votada na semana que vem, de acordo com o ministro da Fazenda Henrique Meirelles. A declaração foi dada na noite de...
Quanto mais reforma demorar, mais dura será correção, diz ministro
Caso o governo não consiga aprovar a reforma da Previdência ainda este ano, conseguirá em 2018, disse hoje (11) o ministro do Planejamento, Dyogo Oli...


Que coisa mais linda!!!!! Como trabalham bem esses nossos vereadores!!!! Maior serviço prestado a população: Moção de congratulação e de repúdio... Grandes profissionais...
 
Naiara Ajala Strello em 12/06/2013 10:26:52
QUANTO SERÁ QUE OS VEREADORES RECEBERAM PARA TAL CASO??? E O BERNAL TEM QUE TRABALHAR MAIS. POIS PARA ISTO QUE O POVO VOTOU
 
ELY MONTEIRO em 12/06/2013 06:59:00
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions