A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 18 de Dezembro de 2018

23/05/2018 13:12

Deputados aprovam campanha de combate a violência contra idoso

Campanha será realizada no mês do junho, com palestras, eventos e conscientização

Leonardo Rocha
Deputados aprovaram os projetos durante sessão desta quarta-feira (Foto: Luciana Nassar/ALMS)Deputados aprovaram os projetos durante sessão desta quarta-feira (Foto: Luciana Nassar/ALMS)

Os deputados aprovaram, em segunda votação, o projeto que cria campanha de combate a violência contra o idoso, em Mato Grosso do Sul. Ela vai se chamar “Junho Violeta/Prata”, tendo a intenção de conscientizar a sociedade sobre estas agressões, para se diminuir estes crimes inclusive no ambiente doméstico.

O projeto de Renato Câmara (MDB) teve a aprovação unânime. A campanha terá palestras, ações preventivas e de informação tanto aos idosos sobre seus direitos e canais de denúncia, assim como para pessoas ficarem atentas sobre casos perto de suas residência ou no ambiente familiar. Como foi aprovada em segunda votação, a matéria segue para sanção do governo estadual.

“Agora teremos um mês específico para discutirmos este tema, com eventos e palestras para diminuir os casos de violência contra o idoso, já que muitos em um momento de fragilidade por causa da idade acabam sendo maltratados tendo sua voz escondida, com medo de denunciar”, disse o parlamentar.

Adoção – Também segue para sanção o projeto de Beto Pereira (PSDB) que permite as crianças que estão passando pelo processo de adoção, já estando sob guarda da família adotiva,mudar de nome ou usar o sobrenome da família nas escolas, em unidades de saúde, cultura e lazer.

A alteração não será feita nos documentos pessoais de identificação, mas já utilizados nestas unidades voltadas para estes setores. A proposta foi um pedido feito pelo Instituto Brasileiro de Direito de Família.

Feminicídio – Os deputados ainda aprovaram nesta sessão (23), o projeto do executivo estadual que institui o “Dia Estadual de Combate ao Feminicídio” e a “Semana Estadual de Combate ao Feminicídio”, que será realizada no dia 1º de junho, data que foi registrado o primeiro caso deste crime em Mato Grosso do Sul.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions