A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

30/10/2012 14:22

Disputa pela presidência da Câmara pode ter até 3 chapas e dividir blocos

Segundo Siufi, ele, Edil Albuquerque (PMDB) e Zeca, podem concorrer

Nadyenka Castro e Danúbia Burema
Vereador Paulo Siufi (PMDB), atual presidente da Câmara Municipal de Campo Grande. (Foto: João Garrigó/ Arquivo)Vereador Paulo Siufi (PMDB), atual presidente da Câmara Municipal de Campo Grande. (Foto: João Garrigó/ Arquivo)

A disputa pela presidência da Câmara Municipal de Campo Grande na próxima legislatura pode ter até três chapas. De acordo com Paulo Siufi (PMDB), atual presidente, ele, Edil Albuquerque (PMDB) e Zeca do PT devem disputar o comando da Casa de Leis.

Segundo Siufi, Zeca pode encabeçar uma chapa por já ter sido governador e também o vereador mais votado. Ele não descarta a candidatura da Professora Rose (PSDB), porque é a favorita entre os vereadores, foi eleita para o próximo mandato com a segunda maior quantidade de votos e também porque é do partido tucano, que teve bastante influência na eleição de Alcides Bernal (PP).

Para o presidente da Câmara, a disputa pelo comando da Casa “vai ser muito traumática”. “Se com 21 [vereadores] já era difícil consenso, imagina 29”, disse, afirmando que “já estão sendo feitas as articulações para formação dos blocos”. “Mas ainda é prematuro qualquer detalhe”.

O vereador Airton Saraiva (DEM), declarou que a “eleição da mesa diretora envolve interesses internos”.

Em entrevista anteriormente ao Campo Grande News, Zeca do PT havia dito que não descarta a possibilidade de disputar a presidência da Câmara.

Eleito com maior quantidade de votos, Zeca tem alta rejeição entre readores. Carlos Augusto Borges (PSB), conhecido por Carlão, é um dos que não apoiam Zeca. 



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions