ACOMPANHE-NOS    
NOVEMBRO, SEXTA  27    CAMPO GRANDE 28º

Política

Dos 42 candidatos "rejeitados" na Capital, 29 já recorreram ao TRE-MS

Candidatos tiveram seus registros indeferidos na 1° instância e tentam reverter a decisão

Por Leonardo Rocha | 30/10/2020 10:24
Sede do TRE-MS, no Parque dos Poderes, em Campo Grande (Foto: Arquivo)
Sede do TRE-MS, no Parque dos Poderes, em Campo Grande (Foto: Arquivo)

Dos 42 candidatos em Campo Grande que tiveram o registro indeferido pela Justiça Eleitoral, 29 já entraram com recurso no TRE-MS (Tribunal Regional Eleitoral de MS), para tentar reverter a decisão e assim garantir que seus votos sejam válidos no dia 15 de novembro, data da eleição.

Eles podem continuar com suas campanhas eleitorais, no entanto se não conseguirem reverter as decisões nas instâncias superiores, seus votos serão zerados após a apuração das urnas eletrônicas. Por esta razão a continuidade no pleito é por “conta e risco” do candidato.

Na disputa para prefeito, Sérgio Harfouche (Avante) e Thiago Assad (PCO) já recorreram ao pleito do TRE-MS, enquanto que Loester Carlos (PSL), conhecido como “Tio Trutis” já teve recurso negado inclusive no pleno (TRE-MS), que resolveu manter a decisão de primeira instância, negando sua candidatura.

Em função das chapas majoritárias serem “unificadas”, os seus  respectivos candidatos a vice, André Salineiro (Avante) e Carlos Martins (PCO), também tiveram suas candidaturas indeferidas, e já recorreram da decisão.

Câmara – Já na disputa para Câmara Municipal de Campo Grande, dos 35 candidatos a vereador que foram rejeitados, 25 recorreram da decisão, a espera de um aval da Justiça. Devido o aumento da demanda, o TRE-MS vai fazer sessões diárias a partir da próxima semana, para avaliar os casos.

Entre os candidatos (vereador) que já recorreram aparecem: Dayane Gomes (PMN), Delei Pinheiro (PSD), Luciano Barros (PP), Maria Rocha (PP), Gleomar Hagamenon (PTB), Maria Rosa Lopes (SD), Passini Catharinelli (SD), Marizete Grance (Cidadania), Aldo Miranda (PT), Amarildo Santana (Avante), Otacílio Pereira (PSDB) e Clodoaldo Dias Guimarães (PMN).

Além de Dionísio João Nery (Avante), Edvaldo Coelho (PMN), Esther Vital (PSL), Fernandes Antunes (Rede), Grazianny Farias (PSC), Huldo Júnior (PV), Jacinto Nunes (PV), João Nunes da Cruz (PV), Francisca Katia (PSOL), Andréa Henrique (PT), Rodrigo Gonçalves (PSC), Walter Massulo (Patri) e Wilson Gonçalves (PT).

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário