A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

13/11/2013 13:43

Ex-presidente diz a empresários que sua gestão superou tabus econômicos

Kleber Clajus e Leonardo Rocha
Lula lembrou durante encontro que programas sociais ajudam a movimentar a economia do país (Foto: Marcos Ermínio)Lula lembrou durante encontro que programas sociais ajudam a movimentar a economia do país (Foto: Marcos Ermínio)

Em visita a Campo Grande, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), disse hoje em encontro com empresários na Fiems (Federação da Indústria de Mato Grosso do Sul) que a expansão da economia e a transferência de renda devem elevar o país a se tornar a 5ª maior economia do mundo até 2016. Ele também nominou três tabus que teria quebrado em sua gestão.

“Se tivesse juízo não seria candidato em 2002, pois falavam que o Brasil estava quebrado, mas não acreditava nisso”, ressaltou Lula.

O ex-presidente nominou três tabus que teria quebrado em sua gestão. Na primeira posição da lista está a interelação do crescimento econômico com a distribuição de renda, iniciada com a implantação do programa Bolsa Família e de linhas de crédito, como o consignado. Em seguida, citou o aumento do salário mínimo que “não gerou inflação”, além de conseguir conciliar exportação e valorização do mercado interno.

Para Lula, o que fortalece a economia brasileira são programa sociais como Bolsa Família que possibilitaram “aos mais necessitados comprar o mínimo possível”, além da possibilidade de se “emprestar dinheiro para aqueles que não tinham acesso”. No segundo caso, ele chegou a citar aos empresários que R$ 260 bilhões já foram concedidos em crédito consignado, modalidade que desconta o empréstimo do holerite do trabalhador.

Sobre o crescimento econômico, o ex-presidente resume que a soma de fatores econômicos com a ampliação do número de vagas e investimento em cursos técnicos devem tornar “o Brasil a 5ª maior economia, em 2016”.

Temer diz que adiamento da reforma da Previdência foi 'ótimo' para ganhar votos
O presidente Michel Temer procurou mostrar otimismo ao falar sobre a reforma da Previdência ao dar posse ao deputado federal Carlos Marun (PMDB-MS) c...
Diretor da PF entrega ao STF relatório de investigação sobre ministros
O diretor-geral da Polícia Federal, Fernando Segóvia, entregou hoje (15) à ministra Cármen Lúcia, presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), um re...
TRE realiza plantão para cadastramento biométrico neste sábado na Capital
O TRE-MS (Tribunal Regional Eleitoral de Mato Grosso do Sul) realiza neste sábado mais um plantão para atender eleitores de Campo Grande que ainda nã...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions