A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

21/05/2009 05:36

Justiça cassa mandato de prefeito de Coronel Sapucaia

Redação

O prefeito de Coronel Sapucaia, Rudy Paerzold e o vice Aldacir Cardinal tiveram os mandatos cassados por uma decisão assinada pelo juiz eleitoral de Amambai Thiago Nagasawa Tanaka. A decisão foi publicada na edição de hoje do Diário da Justiça.

Rudy de acusado de ter fretado no dia 2 de outubro de 2008, dois ônibus lotados de Água Clara até Coronel Sapucaia. O veiculo foi barrado por policiais do DOF (Departamento de Operações de Fronteira), quando retornava para o destino. O juiz eleitoral acompanhou a ação da polícia.

A apuração empreendida em conjunto pelo DOF e o MPE (Ministério Público Eleitoral) resultou na instauração de uma Ação de Investigação Judicial Eleitoral, devido à suspeita de que os ônibus teriam sido fretados pelo então candidato Rudi Paetzold, para transportar eleitores que votariam nele.

A ação chegou a ser questionada pela coligação "Por amor a Coronel Sapucaia", encabeçada pelo prefeito eleito Rudi Paetzold, por ser julgada pelo juiz. A coligação alegou na época que o juiz estaria impedido de julgar o procedimento por ter participado da apreensão dos dois veículos.

Em janeiro, por unanimidade, o TRE (Tribunal Regional Eleitoral) decidiu que o juiz estaria liberado a julgar a Ação de Investigação Judicial Eleitoral referente às eleições municipais em Coronel Sapucaia no ano passado.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions