A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

07/02/2013 17:38

Leleco e Basso abrem campanha radiofônica em Bonito e Sidrolândia

Josemil Rocha

Começa neste fim de semana prolongado de Carnaval a campanha eleitoral mais eficiente para atingir os eleitores de Bonito e Sidrolândia, a radiofônica, na disputa para prefeito. Nos dois municípios de Mato Grosso do Sul onde acontecerão eleições suplementares, devido às anulações de votos dos prefeitos eleitos no ano passado, os candidatos que abrem a programação de rádio são Leonel Lemos de Souza, o Leleco (PT do B), entre os bonitenses, e Ari Basso, entre os sidrolandenses. Sem televisões locais, as rádios desempenham papel relevante na comunicação nas duas cidades.

Os calendários das eleições suplementares de Bonito e Sidrolândia, definidos pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE), fixaram esta quinta-feira (7) como último dia para o sorteio da ordem de apresentação dos candidatos a prefeito, mas os juízes eleitorais já tinham antecipado na semana passada essas programações das campanhas de rádio.
Nas rádios, a campanha eleitoral começa neste sábado (9) com as inserções de 30 segundos, totalizando 30 minutos por dia para cada coligação. Como no domingo não haverá transmissões, somente na segunda-feira (11) começa a veiculação radiofônica da propaganda eleitoral gratuita dos candidatos a prefeito de Bonito e Sidrolândia.
A veiculação da propaganda eleitoral dos prefeitáveis nas rádios acontecerá sempre no horário das 6 às 6h30 e das 11 às 11h30.

Depois do primeiro dia de propaganda eleitoral gratuita as campanhas dos candidatos vão se alternando. Assim, já no dia 12 de fevereiro, terça-feira de Carnaval, a primeira propaganda será do candidato da coligação a Força do Povo, Odilson de Arruda (PSDB), em Bonito, e Acelino Cristaldo de Souza, do PMDB, em Sidrolândia. A campanha via rádio prossegue até o dia 28 de fevereiro. A eleição será no dia 3 de março.

Fruto de anulações

As eleições para prefeito de Bonito e Sidrolândia decorrem de anulações decretadas pela Justiça depois de os vencedores, em ambas as cidades, com mais de 50% dos votos, terem tido as candidaturas cassadas por irregularidades..

Em Sidrolândia, Acelino Cristaldo (PMDB), segundo colocado no pleito em outubro, volta a concorrer à Prefeitura, dessa vez tendo Eliane Salvatti (PT) como vice. Já no lugar do candidato vencedor, mas cassado, Enelvo Felini (PSDB), foi escolhido o também tucano Ari Basso, que formou chapa pura com o médico Marcelo Ascoli como vice.

Já em Bonito, onde Geraldo Marques (PDT) foi o vencedor e também foi cassado, o candidato que o substitui na antiga aliança é Odilson de Arruda Soares (PSDB), enquanto o vice é Luis Stragliotto (PSD). Leleco, que foi o segundo colocado, volta a encabeçar chapa, que tem Luiza Lima (PR) como vice.

 

Governo do Estado investe R$ 9,2 milhões em infraestrutura em Caracol
Caracol vai receber mais de R$ 2,8 milhões em obras a serem executadas pelo Governo do Estado em parceria com a prefeitura e deputados federais e est...
Assembleia vota Orçamento de R$ 14,4 bilhões de 2018 na terça-feira
O Orçamento de R$ 14,4 bilhões do Governo de Mato Grosso do Sul para 2018 passará pela votação em segunda discussão na terça-feira (19) na Assembleia...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions