A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

10/07/2013 14:50

Líder de travestis garante que parada de sexta não será contra evangélicos

Zemil Rocha
Cris disse que o protesto é contra o fundamentalismo religioso (Foto: Arquivo)Cris disse que o protesto é contra o "fundamentalismo religioso" (Foto: Arquivo)

A presidente da Associação Nacional de Travestis e Transexuais (Antra), Cris Stefanny, garante que a passeata programada para acontecer na sexta-feira (12), do movimento denominado de “1ª Parada da Cidadania: Pela Dignidade Humana, em favor da Laicidade do Estado e da Diversidade”, não é nenhuma cruzada contra evangélicos. “Não é e nunca foi nosso intuito, fazer manifestações contra os determinados seguimentos da sociedade, e nem mesmo, contra a liberdade de crença religiosa das pessoas e/ou de significativa parcela da sociedade”, garantiu Cris.

O manifesto, organizado por diversas instituições da sociedade civil e estudantes de universidades, segundo Cris Stefanny, não é contra religião ou religiosos evangélicos, mas sim, contra toda forma de opressão e “fundamentalismos religiosos”, em favor da liberdade de expressão inclusive religiosa, de modo que seja respeitado a laicidade (País que contempla o direito múltiplas liberdades religiosas, inclusive de não querer ter uma religião) do estado Brasileiro.

Mas no protesto de sexta, as entidades admitem que pretendem pedir “fora” para deputado federal Marcos Feliciano da CDHM, vereador Elizeu Dionizio da CDH da Câmara Municipal e o secretário Herculano Borges (Juventude), além do fim de cultos religiosos na Câmara e do que chamam de “perseguições fundamentalistas” do promotor de Justiça Sergio Harfouche. Todos são evangélicos.

Cris Steffani justifica esse teor de “fora” para esses políticos como decorrência das “posições fundamentalistas” que estariam adotando publicamente ou no desempenho de suas funções. Segundo a dirigente, o “Fora Elizeu Dionízio”, por exemplo, é devido às suas posições “arcaicas” e que ferem, em sua opinião, o Estado Democrático de Direitos e a laicidade estatal. “Somos contra, por exemplo a realização de cultos religiosos na câmara de vereadores, pois se assim for, também queremos cultos de religiões de matrizes africanas, judaicas e muçulmanas, alem de festas LGBTs, funks e outras”, argumentou. “Nossa luta é contra o fundamentalismo religioso de qualquer denominação religiosa e não contra os cristãos”, acrescentou.

Embora considere ser democrático e legitimo que os evangélicos eleitos pelo povo exerçam seus cargos políticos, Cris repudia “a forma antidemocrática e fundamentalista como alguns deles vem agindo nos parlamentos e nos executivos, onde não tem respeitado às demais parcelas da sociedade e tem colocado suas religiões à frente do cargo público que ocupam”. E continua: “Nunca fui e nem sou contra os religiosos, mas sim contra o posicionamento fundamentalista de líderes religiosos que usam a Deus e a religião para se perpetuarem no poder e com isto confundem liberdade de expressão com liberdade de opressão de forma que possamos amanhã acordar em uma guerra santa e uma nova inquisição”.

Para demonstrar que teve boa fé, Cris Stefanny conta que há cerca de uns três meses entrou em contato com o vereador Elizeu Dionizio (PSL) por sua página no Facebook e pediu uma audiência. “Me foi solicitado o número de meu celular, eu passei, mas até o momento não recebi retorno”, reclama a ativista. Elizeu Dionízio, porém, garante que já colocou o seu gabinete à disposição de Cris e nunca foi procurado por ela depois disso.

Para o vereador Elizeu Dionízio, a passeata que está sendo organizada por Cris Steffanni e outros militantes de movimentos sociais é fruto de represália contra sua atuação oposicionista contra o prefeito Alcides Bernal (PP). “A Cris é filiada ao PPS, que integra a administração do prefeito Alcides Bernal”, argumentou ele.

Cris, por sua vez, nega que tenha qualquer tipo de relacionamento político com Bernal. “Qualquer menção de ligação da minha pessoa com o atual prefeito de Campo Grande, o senhor Alcides Jesus Peralta Bernal, é leviana, mentirosa, caluniosa e tem rechaço barato, mesquinho e com intuito de desqualificar minha pessoa que sempre fui pautada pela luta dos direitos humanos e liberdade de expressão, sem que tenha nunca me vendido a partidos políticos e/ou os desmandes de qualquer governante, diferente do que ouvimos destes mesmos políticos que ousam me acusar levianamente”, disse a presidente da Antra.

 

 



Para entender melhor a questão, basta ler os comentários desta matéria. Os que acusam a Parada da Cidadania de "ditadura gay" são claramente pessoas sem argumentos, que enxergam naturalidade no combate à diversidade na sociedade, com base em textos bíblicos não-refletidos. É desproporcional um gay ter direito de ser gay e um evangélico, por ter direito de ser evangélico, entender que também tem direito de cobrar do governo ou impor políticas governamentais contra gays. É bizarro. É irracional.

Quer dizer, estas pessoas querem impor ao "todo" (ou seja, aos que Constitucionalmente não são obrigados a crer na bíblia) suas verdades fundamentalistas. Isso é o crescimento da teocracia, é o Estado Laico ameaçado - é, portanto, o que está sendo combatido pelo ato político. Entenderam?
 
Guilherme Cavalcante em 11/07/2013 17:58:05
A distinção entre ser contra religiosos e fundamentalistas religiosos está no fato que o fundamentalismo se impõe sobre as leis brasileiras, fazendo com que a verdade para aquele grupo se torne a verdade para todos. O movimento LGBT luta contra essa generalização, contra quem a exerce, e não contra as pessoas que têm suas religiões (sejam evangélicos, católicos, espíritas, budistas...) mas que praticam seus dogmas somente entre a comunidade, entre seus comuns.

Lutar pela laicidade do estado muitas vezes se confunde com "perseguição a evangélicos" porque neste grupo há os neopentecostais, um grupo extremamente organizado e que interpreta a bíblia de forma fechada, sem reflexão, e que quer a todo custo impô-la a todos os brasileiros, até aos não-cristãos. Deu pra entender?
 
Guilherme Cavalcante em 11/07/2013 17:53:38
Elisa vieira é uma pena que você pode até conhecer a bíblia, mas não a entende....Jesus julgou os religiosos e suas práticas e não o pecador...Infelizmente você está fazendo papel de fariseu. Eles fazia orações para serem vistos, se misturavam com o poder de Roma e se enriqueciam em detrimento dos mais pobres, tinham vestidos largos e faziam Jejuns prolongados para parecerem santos (será que não está parecendo com os dias de hoje?)e se quiser uma aula para entender a bíblia, estou a disposição.
 
Janio peixoto em 11/07/2013 10:56:14
concordo com os primeiros comentaristas.Para Janio Peixoto e Mirella Forti minha compaixão, bem como a todos os gays,travestis, ect, etc, Que Deus tenha misericórdia.Ainda bem que temos homens como Feliciano, Elizeu,Herculano Borges e Sérgio Arfouche, pois senão os brasileiros estariam perdidos Oremos por todos eles, pois aos brasileiros héteros foram "cortados" os direitos, a liberdade de expressão para nos não existe e os políticos não fazem nada em relação a isso pois as fileiras do outro lado engrossam e eles precisam captar seus votos. Como diz a palavra: "O mundo jaz no maligno" SOMENTE JOELHO NO CHÃO E ORAÇÃO.Lembrando que laicidade não é laicismo e que também precisamos ser respeitados.
 
elisa vieira em 11/07/2013 08:36:35
Eu sirvo à Deus há mais de 20 anos, e não concordo em levantarmos contra essas pessoas (homossexuais). Mesmo porque o próprio Deus, criador de todas as coisas nos deu livre escolha do que quisermos na vida. Eu conheço mais de um homossexual que se converter (de verdade) à Cristo, e é justamente isso que Jesus vei fazer, libertar as pessoas presas pelo diabo. Nós precisamos amar os perdidos, orar pela libertação e salvação deles, e não discriminá-los como muitos evangélicos fazem. Nossa luta não é contra a carne e o sangue, (Efésios 6.12) mas contra os principados das trevas (o diabo), entendam!
 
Olices Trelha em 11/07/2013 08:28:24
Na biblia ja fala em Levitico 18:22 "Com homem não te deitarás, como se fosse mulher; abominação é".
Não preciso falar mais nada.
 
Renato Fernandes em 11/07/2013 08:27:37
Concordo com o Janio Peixoto, determinados políticos incentivam estas "contendas" pq enquanto o povo briga entre sí é facilmente enganado. Por que não unir forças contra a corrupção por exemplo? Contra as verbas de gabinete, e verbas indenizatórias dos políticos? Contra os cargos para cupinchas?
Enquanto o povo se agride na rua, os poderosos deitam e rolam...
E como disse o Jânio, quem não é nem evangélico, nem LGBT vê q ambos estão lutando contra o inimigo errado.
 
Marcos Zborowski em 11/07/2013 08:27:19
Pessoal infelizmente muitas pessoas esquecem que na bíblia sagrada jamais foi escrito algo a favor da união homossexual.

Então não tem nada a ver com fundamentalismo, tem a ver com a verdade, tem a ver com algo abominável para toda e qualquer sociedade.

Se alguém pensa em seguir tal atitude, que seja sempre para si mesma, mas jamais pensar em constituir família, pois a união homo afetiva não pode caracterizar família.

abs

 
julio melo em 11/07/2013 08:24:28
Comparar o Candomblé com BAILE FUNK, é extremamente desrespeitoso e PRECONCEITO! Pra dizer o mínimo.
 
Marcos Zborowski em 11/07/2013 08:23:09
“Só para ficar nítido, nunca fui e nem sou contra os religiosos”
Infelizmente não é o que seus atos demonstram.
Veja que mesmo dizendo ser contra “as posições arcaicas” vc só aponta como vício de ambos a realização de cultos evangélicos em repartições públicas. Ou seja, só o fato de professarem uma fé lhe desperta a aversão.
Se crê que deveriam ter outras denominações lá, procure os representantes de tais denominações e busque tais direitos. Busque um encontro espírita, ou de matrizes africanas, judaicas e muçulmanas, talvez até católicos. Vc estaria defendendo o culto destas denominações.
 
Marcos Zborowski em 11/07/2013 08:19:35
Estado laico não é sinônimo de estado ateu, pois o ateísmo também é uma forma de manifestação ideológica/espiritual. Também não é o mesmo do que laicizante, que impedem as pessoas de professarem sua fé.
As manifestações religiosas não se confundem com “uma festa LGBTs, ou de funk”, pois isso não é religião, tratar todos os cultos professados como se fossem uma “festa” demonstra apenas falta de respeito e preconceito - não por ser uma festa LGBT, ou de funk, mas por ser uma festa – o que não se confunde com as manifestações religiosas sejam lá quais forem.
Ao comparar as religiões de matrizes africanas, judaicas e muçulmanas a “festas” é desrespeitoso e preconceituoso, demonstra não só a CRISTIANOFOBIA, mas também a XENOFOBIA.

 
Marcos Zborowski em 11/07/2013 08:19:09
pena também de Jânio Peixoto. Acorda!
 
elisa vieira em 11/07/2013 08:07:56
Total apoio aos primeiros comentários para Mirella meus votos de compaixão assim como a todos os gais, travestis, etc,ect, do Brasil. Só nos resta orar por eles para que DEUS tenha misericórdia.Laicidade não é laicismo. Graças a Deus por termos homens como Elizeu, Feliciano, Herculano borges e Sérgio Harfouche nos representando, pois caso contrario a situação dos brasileiros seria pior, pois agora não temos síquer direito a liberdade de expressão, nos os heteros temos que ficar "surdos mudos" ABSURDO!
E os políticos atrás de votos como a fileira do outro lado "engrossa" querem captá-los e aí concordam até com a perda dos direitos do cidadão.Oremos por todos eles.
 
Elisa Vieira em 11/07/2013 08:02:01
Acho que há exagero de todos os lados. Se há culto na câmara, a maioria aceitou e em tudo a maioria vence pela democracia. Eu não tenho que apoiar nenhuma vontade de ninguém, cada um é livre para fazer o que quer da vida, desde que não queira envolver os outros. Eu sou evangélico e não tenho nada a ver com as atitudes do meu vizinho e nem quero saber qual é a opção sexual dele. Se precisar de ajuda honestamente, eu ajudo, do contrário, bom dia, boa noite e pronto. Viva a sua vida e deixe de querer aparecer com melancia no pescoço.
 
luiz alves em 11/07/2013 07:53:28
Temos quer ter mais evangélicos em cargos públicos!! E só mais uma coisa a Constituição nos diz que todos somos iguais perante a lei, então não a por que um grupo que se julga discriminado, o que não ocorre, querer ter direito diferenciado. Ninguém pode nem pode falar nada que já é taxado como homofóbico. Poupe-me!!
 
Alexandre Saraiva em 11/07/2013 07:02:18
BOM CRIS VC TA DE PARABÉNS, TE APOIO SEMPRE E CADA DIA QUE PASSA ADMIRO MAS SEU TRABALHO, VC TA CERTA, TEM MAIS MESMO QUE LUTAR, TO COM VC SEMPRE, VC É UMA LUTADORA QUE LUTA PELOS DIREITOS CERTO E SEMPRE VI VC COMO UMA PESSOA MARAVILHOSA, TA DE PARABÉNS GOSTO MUITO DE VC, E TEM MEU APOIO, ABRAÇO, ASS: JOCEMAR GUTIERRES FUI.
 
Jocemar Gutierres Marques Alves em 11/07/2013 03:38:22
Que país é este.? Que mundo que estamos vivendo? Estamos verdadeiramente quase igual Sodoma e Gomorra.
Vejam isso. Deus fez o Homem pra ser Homem e Mulher pra ser Mulher... Onde estão os valores???
Uma criança acordou e disse a um Casal ou melhor Duas (...) Oi!!!!! Estou com uma grande confusão na minha cabeça... A final (...) Quem/qual de vcs q é meu PAI??? E quem/qual de vcs que é minha MÃE??? Quem sabe qual foi a resposta???
VALORES GENTE, PENSE NISSO....
 
EZEQUIEL DOS SANTOS em 11/07/2013 00:49:26
Amamos o homossexual como pessoa, mas sua prática é abominável para Deus...leiam Romanos 1 (o pior cego é aquele que não quer enxergar)
 
Julia Figueira em 10/07/2013 22:54:36
Vão pegar uma enxada e procurar um lote p/ limpar que vocês ganham mais!
 
Sandra Pereira em 10/07/2013 22:36:58
Desculpe mas esta historia de lutar pela liberdade é furada, onde ja se viu buscar liberdade ferindo e acabando com a liberdade do proximo,
só poque eu sou contra a atitudes dos GLBT não quer dizer que sou um monstro e nem que vou caça-los e levar eles para forca, daqui uns dias vai ser crime falar o que pensa vai ser crime ser evangélico , vai ser crime ser heterossexual. cada um tem que viver sua vida como acha melhor, a vida é feita de escolhas. os caminhos para todos são complicados. mas só porque eu escolhi viver uma vida diferente não tenho o direito de sair culpando os outros por tudo de errado na minha vida .
 
Higor vasconcelos em 10/07/2013 20:56:14
Esse grupo (dos homossexuais) é diariamente atacado por religiosos fanáticos, que não aceitam que eles tenham os mesmos direitos que todos nós temos. Tem que se manifestar, sim, e protestar também. Parabéns.
 
André Souza em 10/07/2013 20:03:06
Isso não é outra coisa senão o cumprimento das Sagradas Escrituras. Concordo com o João Bento "Eles querem exterminar qualquer cultura religiosa do país". Além disso, querem decretar o fim da família. Olhem o tema "fora" e façam suas conclusões. Acorda cristãos.
 
Lenirdo Pedroso de Almeida em 10/07/2013 19:33:20
Bom;
diante de tamanha imoralidade politica e social em que passa a nossa nação; é bem possível que daqui a pouco, aparece uma dessas associações exigindo como requisito obrigatório para concorrer a qualquer cargo publico, seja membro associado ao Antra. Fala sério é pra acaba mesmo!!!!!!!
 
Ereovaldo Soares da Silva em 10/07/2013 19:31:18
"no protesto de sexta, as entidades admitem que pretendem pedir[...]fim de cultos religiosos na Câmara"
Pelo amor de Deus... É assim que eles lutam contra o preconceito?!?!
 
Miri Barros em 10/07/2013 18:23:08
Conheço Promotor Sérgio Harfouche e ele sempre pauta suas ações na lei civil. Porem, como ministro religioso, acredita nas verdades bíblicas, e ele tem esse direito. Não compreendo essa inaceitação GLS quanto ao cristianismo porque o Evangelho é justamente um tratado de Direitos Humanos; quando os GLS não admitem manifestações contrárias ao homossexualismo estão fazendo o que tanto condenam, impedindo os religiosos de se manifestarem.
 
João Dias em 10/07/2013 18:18:44
OLHA NÃO TENHA NADA CONTRA OS EVANGÉLICOS, POIS ESSA É A MINHA RELIGIÃO EU ACHO Q ELES DEVERIAM CUIDAR DE SUAS PRÓPRIAS VIDAS E DEIXAREM CADA UM SER O QUE QUER, ALÉM DO MAIS AS IGREJAS EVANGÉLICAS TEM O MAIOR NUMERO DE HOMOSSEXUAL OS Q FALAM MAL E CRITICAM PODE TER CERTEZA É ALGUM ENRUSTIDO DENTRO DA IGREJA OU CASADA COM ALGUM E FICAM NESSA, EU NUNCA VI NEM UM HOMOSSEXUAL FALANDO MAL DE CRENTE ENTÃO MEUS IRMÃOS VAMOS CUIDAR CADA UM DO SEU E OLHAR MAIS PARA SEU PRÓPRIO UMBIGO FICA A DICA

OBS: NÃO SOU HOMOSSEXUAL...
 
nilda lima em 10/07/2013 17:14:16
NÃO SERÁ CONTRA EVANGÉLICOS MESMO, POIS OS EVANGÉLICOS, NÃO TEMEM OS MALES, SOMENTE A DEUS, PORTANTO, QUEM QUISER SER TRAVESTI, HOMOSSEXUAL, LADRÃO, MENTIROSO, DIVORCIADO, SEPARADO, FORNICADOR, AMANCEBADO, SUICIDA, BRAVO, NERVOSO, QUE FAÇA, PORÉM OS EVANGÉLICOS, NÃO BATERÃO PALMAS PARA O diabo, JUSTIÇA DE DEUS, AGORA, JUSTIÇA DA TERRA, QUE SEJA FEITA A VOSSA VONTADE, FIQUEM SABENDO, QUE DEUS E OS EVANGÉLICOS, ESTARÃO DE BRAÇOS ABERTOS, PARA RECEBÊ-LOS, NOS MOMENTOS DE TRISTEZAS E DORES, POIS QUEM NÃO VAI PELO AMOR, QUE SÃO POUCOS, VÃO PELAS DORES, DEUS ABENÇOE A TODOS.
 
pedro braga em 10/07/2013 17:06:23
Mentira deslavada, eu já presenciei e temos vídeos filmados dessa parada gay passando em frente a igrejas da capital e xingando os evangélicos, incitando o ódio contra os mesmos e taxando a todos de fundamentalistas. A verdade é que esse povo quer além de impor a vontade deles aos outros, querem criminalizar quem pensa diferente. Laicidade não é Laicismo... Eles querem exterminar qualquer cultura religiosa do país.
 
João Bento em 10/07/2013 16:44:50
Ah, então é fácil assim? "Quer tirar todos os evangélicos que ocupam cargos políticos...", então eu também exijo a todos aqueles "não evangélicos" que também ocupam cargo político: - Foraaa!
É pra acabar mesmo neh...
 
Claudete Franco em 10/07/2013 16:37:47
Luiza Ribeiro só mente foi eleita graças as votos deste(a) cidadão!

O grande empenho de Athayde Nery na câmara foi para aprovar titulo de utilidade pública para Assoc. de Travestis, para que assim recebe-se verbas públicas. Bom o sus já distribui coquitel, preservativos, palestras. Sr Athayde e vereadora Luiza Ribeiro, o meu dinheiro em impostos quero que seja gasto com saúde pública para idosos, crianças, sem doações a Assoc. de Travestis.
 
Márcio Santos em 10/07/2013 16:07:02
Eu acho que deveria parar esta briga. Estas tal manifestações para medirem força é uma estupidez tamanha. Os GLS não sei oque que fazer uma ditadura querendo calar todo mundo e Os evangélicos estão querendo levar a igreja pra fora de suas portas e nós cidadãos que não fazemos parte nem de uma e nem de outra temos que ficar assistindo esta briga sem fim e sem futuro. Claro que esta briga é contra os evangélicos e claro que a marcha da família é contra os GLS.
 
Janio peixoto em 10/07/2013 15:33:03
Cris continue sua luta, com calma e educação como sempre.
Lembre-se vc é atacada porque pede justiça.
 
Mirella Forti Cossignani em 10/07/2013 15:06:12
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions