ACOMPANHE-NOS    
MARÇO, QUARTA  03    CAMPO GRANDE 25º

Política

Marquinhos diz que vai manter equipe e na terça lança plano para gerar empregos

Além de projeto para recuperação 16 mil vagas, prefeito disse que não vai politizar vacina

Por Tainá Jara | 15/11/2020 22:45
O juiz eleitoral Paulo Afonso e o prefeito Marquinhos Trad (Foto: Henrique Kawaminami)
O juiz eleitoral Paulo Afonso e o prefeito Marquinhos Trad (Foto: Henrique Kawaminami)

Reeleito com 52,58%, o prefeito Marquinhos Trad anunciou que vai manter a mesma equipe e prometeu não ficar esperando a vacina contra a covid-19 para retomar a velocidade da administração pública, em Campo Grande.

Em pronunciamento rápido no TRE-MS (Tribunal Regional Eleitoral de Mato Grosso do Sul), na noite deste domingo, ele deve apresentar plano de recuperação econômica que inclui a recuperação de 16 mil empregos, na próxima terça-feira.

Com a pandemia, o prefeito explicou que foi necessário reduzir a marcha da administração pública. “Nós vamos devolver essa velocidade. Não vou ficar esperando a vacina chegar. Não vou politizar a vacina, ressaltou.

O plano de recuperação deve contar com diálogo com a bancada federal de Mato Grosso do Sul. “Vamos conversar com os deputados federais, três senadores e alavancar emendas para terminar recapeamentos, o Reviva Campo Grande e a recuperação de 16 mil novos empregos”, explicou.

Questionado sobre mudanças na gestão das secretarias, Marquinhos afirmou que não haverá mudanças. “A população foi muita clara conosco e, por isto, permanece a equipe que esta dando certo”.

Apesar de parabenizar os concorrentes, o prefeito relembrou a máxima cristã para alfinetar quem o atacou durante a campanha.. “A bíblia fala que não prospera nessa terra, os homens de língua afiada”.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário