A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 19 de Julho de 2018

21/12/2010 17:33

MPE arquiva denúncia contra Osmar Jerônymo por falta de provas

Angela Kempfer

O Ministério Público Estadual concluiu investigação sobre o patrimônio do secretário estadual de Governo, Osmar Domingues Jerônymo, e considerou os valores compatíveis com seus rendimentos de 1999 a 2008.

“O patrimônio demonstrou-se compatível com os rendimentos auferidos pelo Agente Público, o que não autoriza o prosseguimento das investigações”, concluiu durante o inquérito o promotor Alexandre Pinto Capiberibe Saldanha.

Com a decisão, a denúncia apresentada no ano passado, de forma anônima, foi arquivada por falta de provas, assim como possível ação civil pública.

“Iniciar um processo por ato de improbridade contra qualquer cidadão, sem as cautelas necessárias e provas inconsistentes, enfraquecem a Democracia e o Ministério Público”, justificou o promotor.

Em nota, o secretário Osmar Jerônymo comentou que “prevalece sobre uma denúncia anônima, a verdade”. Ele garante que desde a denúncia ficou à disposição do MPE, para dar todas as informações necessárias e assegurar clareza e transparência.

“O resultado está baseado em fatos e afasta de forma definitiva qualquer insinuação principalmente as que vinha sendo feitas de forma leviana”. O secretário apenas lamentou que a denúncia, sendo anônima, o impede de processar o autor.

Processos eleitorais passam a ter prioridade na Justiça a partir desta 6ª-feira
A partir desta sexta-feira (20), os processos eleitorais ganharão prioridade na tramitação e julgamento em relação a outros –com exceção de habeas co...
DEM vai caminhar com Alckmin, mas permanece na estaca zero no Estado
No Democratas se consolida aliança com o presidenciável Geraldo Alckmin (PSDB), enquanto em Mato Grosso do Sul o cenário permanece incerto pela inseg...


Para fazer uma acusação é necessário apresentar provas. Se a denúncia (anônima) não apresentou as provas e o MPE também não viu indícios para acusar, arquive-se. Todos somos inocentes, até que se prove o contrário. O resto é tudo especulação (e calúnia). Quem acusa não mostra a cara por que sabe disso.
 
Gilberto Ramos em 22/12/2010 11:48:34
Ministério Público, não é aquele órgão público que teve um aumento em seu duodécimo há alguns dias?
 
Carlos Alberto Souza Gomes em 21/12/2010 09:47:08
SEM COMENTÁRIOS. APENAS ACHO QUE ALGUÉM LEVOU MUITO R$ PARA ISSO SER ARQUIVADO.
 
JORGE TERRA em 21/12/2010 07:39:54
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions