A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

27/02/2012 12:26

Nunca houve acomodação, avalia Trad sobre administrações do PMDB

Wendell Reis

Trad ignora racha e diz que partido sempre realizou disputa entre pré-candidatos

Prefeito diz que vai fazer o possível para entregar todas as obras, mas sabe que algumas ficarão para o próximo administrador (Foto: Pedro Peralta)Prefeito diz que vai fazer o possível para entregar todas as obras, mas sabe que algumas ficarão para o próximo administrador (Foto: Pedro Peralta)

O prefeito de Campo Grande, Nelson Trad Filho (PMDB), acredita que os mais de 20 anos de administração do PMDB em Campo Grande serão recebido como positivo pelo eleitor que escolherá o prefeito da Capital nas eleições do mês de outubro.

“Acho que é positivo, porque sempre teve uma evolução crescente. Não se acomodou, como a oposição quer dizer. Nunca houve uma acomodação. Sempre houve uma evolução positiva. Uma transformação. Mudança para melhor. Uma administração supera a outra”.

O prefeito prevê que, embora mais acirrada, a eleição de 2012 segue a linha de todas as anteriores. “Não tem eleição fácil. Esta, assim como as outras ... Cada uma tem uma particularidade e tem que ser encarada como a mais difícil, para não dar chance para o azar. Temos que sair unidos desta eleição”.

Nelson Trad lembrou que o resultado da pesquisa para escolha do candidato de seu grupo deve sair na primeira quinzena de março. Questionado sobre o possível racha na escolha deste ano, Trad lembra que o partido sempre realizou prévias. “Já teve comigo também. Ganhei do Moka (senador Waldemir Moka), Giroto (deputado federal Edson Giroto) e da Celina (ex-deputada estadual Celina Jallad). Você pensa que foi fácil?”.

Despedida - Trad pretende entregar o maior número de obras possível até o fim do mandato. Entretanto, já sabe que algumas terão que ficar para o próximo administrador: “ Vou procurar entregar todos. Se não der, vai ficar para o outro, conforme peguei”. Trad revelou que passou nesta manhã pela primeira obra que entregou ainda no primeiro ano de sua administração, no dia 18 de fevereiro de 2005. A obra, uma quadra de escola, foi iniciada na administração de Puccinelli.

A primeira entrega de uniformes de 2012, iniciada na manhã desta segunda-feira, já foi realizada em tom de despedida. Indagado sobre o que fazer ao término do mandato, o prefeito disse que primeiro vai curtir a saudade e depois procurar desenvolver um trabalho junto ao interior do Estado. “Seguir orientação do André (governador André Puccinelli) e tocar para frente nosso projeto”.

Assembleia recebe prestação de contas e fará limpeza de pauta antes do recesso
A última semana de trabalho do Poder Legislativo de Mato Grosso do Sul em 2017 será aberta com a audiência pública para prestação de contas do govern...
Assembleia vota prorrogação de adesão a fundo que regula incentivos fiscais
A prorrogação até 30 de dezembro do prazo para que empresas beneficiadas com incentivos fiscais concedidos pelo governo do Estado se inscrevam no Fad...
Governo do Estado investe R$ 9,2 milhões em infraestrutura em Caracol
Caracol vai receber mais de R$ 2,8 milhões em obras a serem executadas pelo Governo do Estado em parceria com a prefeitura e deputados federais e est...


Isso é tão sério, como felicitações de aniversário vinda de políticos.
 
valter antunes em 27/02/2012 04:41:32
Quem é o desleixado?

O prefeito em reunião pediu que todos secretários se demitissem, disse que "estavam desleixados!"

Passados alguns meses o prefeito não demitiu nenhum, mantendo todos!
 
Márcio Santos em 27/02/2012 03:21:38
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions