A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 24 de Agosto de 2017

12/03/2016 12:39

PMDB de MS quer que partido “desembarque” do governo Dilma

Aline dos Santos
Senador Moka (à esquerda e dando entrevista) e lideranças do PMDB participam de convenção nacional em Brasília. (Foto: Divulgação)Senador Moka (à esquerda e dando entrevista) e lideranças do PMDB participam de convenção nacional em Brasília. (Foto: Divulgação)

O diretório do PMDB em Mato Grosso do Sul defendeu em Brasília, durante convenção nacional realizada neste sábado, o rompimento do partido com o governo federal. Michel Temer, que deve ser reconduzido ao comando da sigla, é vice-presidente do Brasil, eleito na chapa liderada pela petista Dilma Rousseff (PT).

Os peemedebistas do Estado querem a saída imediata do PMDB da base do governo, a entrega de todos os cargos ocupados no Executivo e independência em votações no Congresso Nacional. “Não há outra alternativa, a não ser o PMDB desembarcar do governo da presidente Dilma”, afirmou o ex-governador André Puccinelli.

De acordo com o senador Waldemir Moka, a decisão sobre o conteúdo do documento foi consenso entre os membros do partido no Estado. Para o presidente estadual do PMDB, deputado estadual Junior Mochi, o partido deve entregar todos os cargos no governo federal, principalmente os de ministros, e seguir seu projeto de lançar candidato próprio para presidente em 2018. O documento foi lido pelo deputado federal Carlos Marun.

O PMDB administra sete ministérios, além de possuir dirigentes de várias órgãos públicos e estatais. A direção nacional avalia se o rompimento será imediato ou num prazo de 30 dias. 

Justiça Federal determina que bens de ex-prefeita sejam bloqueados
Cinco pessoas, entre elas a ex-prefeita de Três Lagoas, Márcia Moura, estão na lista em que a Justiça Federal determina o bloqueio de bens sob acusaç...
Maia diz que retomará votação sobre reforma política na próxima terça-feira
Após dar início à votação da Proposta de Emenda Constitucional da reforma política, o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), encerrou a sessão ...



Meu Deus como tem pessoas como ódio da Dilma, como se a mesma fosse a culpada pela crise no país:
SEUS LOUCOS PASSE ACOMPANHAR O QUE OCORRE NO PAÍS.
1ª - março de 2015- negociata para prorrogar uso 6300 casas lotéricas- apresentou projeto dia 03/09 e dia 28/09 estava aprovado na câmara e congresso por mais 20 anos.
2ª repatriar dinheiro era para ser em 2014, fizeram 14/01/2016 pagando imposto 30% os coxinhas queriam pagar 10%.
3ª A presidente Dilma Rousseff (PT) vetou proposta apresentada pelo PSOl : auditoria da dívida pública a pedido e pressão dos outros partidos...
4ª Olimpíadas gastos acima de 39 bilhões de reais..rede globo vai transmitir: a globo tem muitas dívidas com o governo mais de 600 milhões de reais...
para os coxinhas de plantão: Segundo o site noticioso NovoJornal, MG.
 
jose maria martins de brito em 13/03/2016 00:47:34
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions