A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

30/01/2014 19:53

PMDB deve eleger 8 deputados estaduais e 4 federais, diz André

Josemil Arruda e Zana Zaidan
André ao lado de Moka e três dos quatro deputados federais do PMDB  (Foto: Marcos Ermínio)André ao lado de Moka e três dos quatro deputados federais do PMDB (Foto: Marcos Ermínio)

O governador André Puccinelli saiu da reunião com a bancada federal do PMDB defendendo a eleição de uma forte bancada para a Câmara Federal e para a Assembleia Legislativa. “A meta do André para o PMDB, a meta mínima é eleger pelo menos oito deputados estaduais do PMDB e quatro federais”, afirmou André, após a reunião em seu apartamento, no Edifício Champs Elisses. Em outra ocasião, o governador deve se reunir com os deputados estaduais do PMDB e dirigentes do partido.

Quanto à bancada da Câmara Federal, André observou que o objetivo é manter a quantidade atual. “Já temos três eleitos que estão aqui, Marçal, Fábio e Geraldo, e o Akira que entrou como suplente”, disse o governador. Akira foi o único dos deputados federais do PMDB ausente.

Sobre a tarefa do PMDB eleger oito deputados estaduais, Puccinelli lembrou que apoiará a reeleição dos quatro atuais, Oswaldo Mochi Júnior, Marquinhos Trad, Eduardo Rocha e Maurício Picarelli. Não citou Jerson Domingos, presidente da Assembleia, em razão deste estar sendo cotado para assumir vaga de conselheiro no Tribunal de Contas no final deste ano. “E vamos eleger mais quatro novos”, defendeu o líder peemedebista.

Nessa cota de oito deputados estaduais do PMDB, porém, o governador destacou o fato de que pelo menos cinco devem ser mulheres, o que tiraria a vaga de um dos quatro parlamentares do sexo masculino. E citou em seguida o nome de uma delas, mas que, contudo, pertence a um partido aliado, o PSB. “Desses estaduais, vamos eleger cinco mulheres e uma já está definida, a Tereza Cristina”, disse. A secretária estadual de Produção e Turismo, Tereza Cristina Correa da Costa, filiou-se no final do ano passado ao PSB.

André revelou que também convidou a vereadora Carla Stephanin para ser candidata a deputada estadual, mas ela não quis. Também já teria chamado, sem sucesso, a secretária de Ação Social, Tânia Garib, que também não quer. “Tá faltando mulher de peito”, brincou o governador.

Na entrevista à imprensa, Puccinelli anunciou ainda a possibilidade de surgir “candidatura para deputado federal em Corumbá e Ponta Porã, angariando novos parceiros para 2014”. Não citou, contudo, os nomes.

 

 



Se depender de mim, nenhum dos que estão aí elegerão.
 
Regisnaldo Marin em 31/01/2014 07:17:30
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions