A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 19 de Setembro de 2019

27/08/2019 07:01

Por 17 votos a zero, a Câmara rejeita pedido de cassação contra vereadores

Romualdo Ramim, Cirilo Ramão e Cido Medeiros foram denunciados por beneficiar apadrinhados no programa Lote Urbanizado

Helio de Freitas, de Dourados
Sessão na noite desta segunda-feira, na Câmara de Dourados (Foto: Filipe Prado)Sessão na noite desta segunda-feira, na Câmara de Dourados (Foto: Filipe Prado)

Por 17 votos a zero, a Câmara de Dourados rejeitou na noite desta segunda-feira (26) as denúncias com pedido de abertura de cassação dos vereadores Romualdo Ramim (PDT), Cirilo Ramão (MDB) e Cido Medeiros (DEM).

As denúncias foram protocoladas na semana passada pelo cidadão Marcos Cavalheiro por suposto tráfico de influência na indicação de assessores e apadrinhados políticos na lista de beneficiários do programa Lote Urbanizado.

As denúncias foram feitas com base em investigação em andamento na Polícia Civil e no Ministério Público.

As três denúncias foram votadas individualmente e os denunciados ficaram impedidos de votar. O presidente da Câmara Alan Guedes (DEM) também não votou. Os outros 17 vereadores votaram para rejeitar as denúncias. Com a decisão em plenário o caso é arquivado no Legislativo, mas continua sendo apurado na polícia e no MP.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions