A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017

09/03/2010 10:48

Presidenciáveis é que devem pedir apoio, diz Puccinelli

Redação

O governador de Mato Grosso do Sul, André Puccinelli (PMDB), afirmou nesta manhã que nenhum candidato à Presidência da República o procurou para pedir apoio e que vai continuar esperando para tomar uma decisão sobre de que lado vai estar na disputa de outubro. O governador disse que os candidatos é que devem pedir seu apoio.

"Eles que devem pedir para eu subir no palanque e até agora ninguém fez isso, afirmou.

O governador citou que não foi procurado nem pelo candidato do PSDB, José Serra, nem pela candidata do PT, Dilma Roussef. "A Dilma não falou comigo, só o Lula falou", disse. "A Dilma tem que escolher com que noivo ela quer casar", cobrou, usando uma frase rotineira em suas falas sobre alianças para a disputa eleitoral.

Puccinelli comentou, ainda, a aproximação cada vez maior entre o prefeito de Campo Grande Nelson Trad Filho (PMDB) e a ministra Dilma, negando que isso indique a escolha por ela. " O Nelsinho tem simpatia e agradecimento à Dilma. Eu também tenho, mas não significa apoio.

Ao ser indagado sobre uma afirmação da senadora Marisa Serrano (PSDB), de que o lançamento, previsto para para a próxima semana, da candidatura de José Serra à Presidência, impõe a Puccinelli a necessidade de decidir-se, o governador reafirmou não ter pressa. "Quanto mais se estuda, melhor se passa no vestibular", comparou.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions