A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

16/02/2013 11:51

PSDB pode superar PT em prefeitos com eleição em Bonito e Sidrolândia

Josemil Rocha
Ari Basso, candidata a prefeito de Sidrolândia pelo PSDBAri Basso, candidata a prefeito de Sidrolândia pelo PSDB

O PSDB acredita que vai superar o PT na quantidade de prefeitos eleitos em Mato Grosso do Sul com a realização das eleições suplementares em Bonito e Sidrolândia, marcadas para o dia 3 de março. “Os tucanos estão unidos em torno do Ari Basso em Sidrolândia e Odilson em Bonito. Estamos indo bem nas duas eleições e vamos superar o PT na quantidade de prefeitos”, afirmou neste sábado o deputado estadual Rinaldo Modesto.

Hoje a caravana de lideranças estaduais do PSDB, integrada pelo presidente regional da legenda, Reinaldo Azambuja, o senador Ruben Figueiró e os deputados estaduais Rinaldo Modesto e Márcio Monteiro, entre outras lideranças, desembarca em Bonito, às 14 horas, para fazer campanha para Odilson. Ontem, essas mesma caravana prestigiou evento a favor de Ari Basso em Sidrolândia. “Estamos todos juntos trabalhando na perspectiva de ganharmos as duas eleições”, disse Modesto.

Das eleições municipais do ano passado, o PSDB saiu com 12 prefeitos eleitos, mesmo número que o PT, mas acabou perdendo um, Enelvo Felini (PSDB), em Sidrolândia, devido à anulação do pleito. O partido que elegeu mais prefeitos no Estado foi o PMDB: 23. O PR conquistou sete prefeituras no ano passado, DEM e PDT elegeram seis prefeitos, cada um, PT do B foi vitorioso em duas cidade e PMN, PP, PPS, PRP, PSD, PTB e PV fizeram apenas um prefeito.

Caso consiga mesmo vitória eleitoral em Bonito e Sidrolândia, daqui a pouco mais de duas semanas, o PSDB ultrapassará o PT, ficando em segundo lugar com 13 prefeitos eleitos.

Em Sidrolândia, Acelino Cristaldo (PMDB), segundo colocado no pleito em outubro, volta a concorrer à Prefeitura, dessa vez tendo Eliane Salvatti (PT) como vice. Já no lugar do candidato vencedor, mas cassado, Enelvo Felini (PSDB), foi escolhido o também tucano Ari Basso, que formou chapa pura com o médico Marcelo Ascoli como vice.

Já em Bonito, onde Geraldo Marques (PDT) foi o vencedor e também foi cassado, o candidato que o substitui na antiga aliança é Odilson de Arruda Soares (PSDB), enquanto o vice é Luis Stragliotto (PSD). Leleco, que foi o segundo colocado, volta a encabeçar chapa, que tem Luiza Lima (PR) como vice.

 

Assembleia recebe prestação de contas e fará limpeza de pauta antes do recesso
A última semana de trabalho do Poder Legislativo de Mato Grosso do Sul em 2017 será aberta com a audiência pública para prestação de contas do govern...
Assembleia vota prorrogação de adesão a fundo que regula incentivos fiscais
A prorrogação até 30 de dezembro do prazo para que empresas beneficiadas com incentivos fiscais concedidos pelo governo do Estado se inscrevam no Fad...
Governo do Estado investe R$ 9,2 milhões em infraestrutura em Caracol
Caracol vai receber mais de R$ 2,8 milhões em obras a serem executadas pelo Governo do Estado em parceria com a prefeitura e deputados federais e est...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions