A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

09/10/2014 12:13

Puccinelli acha "natural" apoio dos deputados do PMDB a Azambuja

Filipe Prado e Leonardo Rocha
André Puccinelli voltou a dizer que está neutro no Estado e brincou dizendo que revela voto no dia da eleição (Foto: Marcos Ermínio)André Puccinelli voltou a dizer que está neutro no Estado e brincou dizendo que revela voto no dia da eleição (Foto: Marcos Ermínio)

O governador de Mato Grosso do Sul, André Puccinelli (PMDB), afirmou que a escolha dos deputados do PMDB foi natural ao candidato ao governo Reinaldo Azambuja (PSDB). O ex-prefeito de Campo Grande Nelsinho Trad (PMDB), além de oito partidos, também irão apoiar o candidato.

Puccinelli revelou que não se incomodou com o apoio dos candidatos, já que o partido deixou cada um fazer a sua escolha. “Acho natural a escolha dos deputados do PMDB pelo apoio ao Azambuja, já que o partido liberou cada para fazer sua própria definição para o segundo turno”, comentou.

Mas sobre o motivo do apoio, Puccinelli se esquivou e disse que “é preciso perguntar para cada um, para que eles possam responder”.

O governado do Estado mais uma vez não quis revelar para quem será seu voto para o 2º turno. “Eu vou revelar no dia da votação. Vou fazer um selfie de quem eu escolher”, brincou Puccinelli.

Para a presidência do Brasil, Puccinelli assegurou que seu voto será para a atual presidente da República Dilma Rousseff (PT). “Eu sou votante e vou auxiliar a campanha da Dilma aqui em Mato Grosso do Sul, por uma dívida de gratidão, e espero que ela seja bem votada aqui”, finalizou.

O PHS, PSC, PEN, PTdoB, PRTB, PSB, PTN e o bloco de deputados e aliados do PMDB também irão apoiar Azambuja no 2º turno.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions