ACOMPANHE-NOS    
SETEMBRO, DOMINGO  27    CAMPO GRANDE 35º

Política

Reforma da Câmara Municipal custará R$ 3,1 milhões e começa em janeiro

Por Anahi Zurutuza e Mayara Bueno | 12/12/2017 12:47
Sede da Câmara Municipal, na avenida Ricardo Brandão (Foto: Paulo Francis)
Sede da Câmara Municipal, na avenida Ricardo Brandão (Foto: Paulo Francis)

A reforma do prédio da Câmara Municipal custará R$ 3,1 milhões. O valor foi oferecido pela Age Comercial Ltda., empreiteira que venceu a licitação para executar a segunda obra no imóvel em menos de dois anos. Os trabalhos começa em janeiro, segundo o presidente da casa de leis, João Rocha (PSDB).

Rocha não deu detalhes o que exatamente será feito no prédio. Em entrevista ao Campo Grande News no dia 7 de novembro, apenas disse que os gabinetes dos 29 vereadores que hoje ficam divididos entre térreo e 1º andar ficarão todos num só piso, enquanto o outro será destinado a parte administrativa.

Além disso, são necessários ajustes às regras de acessibilidade e a exigências do Corpo de Bombeiros, segundo o presidente.

Embora as obras comecem no próximo mês, quando a Câmara ficará fechada por causa das férias coletivas, o vereador afirmou ainda que a reforma não deve ser concluída antes da abertura da próxima legislatura, por isso, talvez seja necessário alugar salas comerciais próximas da casa de leis para abrigar alguns setores. “Vão ser uns seis meses de trabalho”.

Reforma anterior – Depois de 15 anos funcionando no prédio do bairro Jatiuka Park, a Câmara de Campo Grande passou pela primeira reforma em janeiro do ano passado e foram investidos R$ 200 mil para a realização da pintura externa do imóvel, construção de novas salas, guarita, troca do telhado e readequações em quatro gabinetes parlamentares, na recepção da presidência.

Regras de comentário