ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
JUNHO, TERÇA  25    CAMPO GRANDE 29º

Política

Se não puder liderar novo partido, Lídio diz que trocará de legenda

Parlamentar disse aguardar as definições das lideranças nacionais do novo partido

Por Maristela Brunetto e Jackeline Oliveira | 14/11/2023 10:10


Lídio Lopes diz que o momento é de aguardar a movimentação das lideranças nacionais (Foto: Arquivo Assembleia)
Lídio Lopes diz que o momento é de aguardar a movimentação das lideranças nacionais (Foto: Arquivo Assembleia)

O deputado estadual Lídio Lopes afirmou esta manhã, na Assembleia Legislativa, que se não puder exercer posição de liderança no novo partido que surgiu com a fusão do PTB ao Patriotas, ele buscará outra legenda. Na semana passada, o TSE (Tribunal Superior Eleitoral) autorizou que os dois partidos se unam no PRD (Partido Renovação Democrática), que atuará com a numeração 25.

Ele disse que, neste momento, sua posição é de espera, para ver o que decidirão as lideranças nacionais sobre como se estruturará o novo partido nos estados. “Se nós ficarmos com a direção do partido, nós continuaríamos no partido. Se não ficarmos, obviamente nós vamos ter uma opção de escolher um outro partido pra caminharmos pra frente”, analisou.

A fusão das duas legendas é uma medida de sobrevivência, diante da chamada cláusula de barreira, que impõe regras para que partidos tenham acesso ao Fundo Eleitoral e espaço na propaganda eleitoral. Em 2022, PTB elegeu um deputado federal, enquanto o Patriotas elegeu quatro. Pela claúsula, conforme a Emenda Constitucional Nº 97/2017, as legendas devem ter 11 deputados, distribuídos em pelo menos 9 estados.

Nos siga no Google Notícias