A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

01/06/2009 07:32

Segundo André, aliança PT e PMDB vai depender do povo

Redação

O governador André Puccinelli (PMDB) reforçou, hoje, o interesse em se unir ao PT para as eleições em 2010. Na semana passada, ele afirmou que 55% da população do Estado aceitaria a união dos tradicionais adversários políticos.

Nesta segunda-feira, Puccinelli disse que a aliança depende da vontade da população. "Se a população quiser, podemos nos unir. Por que não?", declarou em entrevista ao jornal Bom Dia MS, da TV Morena.

Para Puccinelli, a população aceita a parceria porque vê os resultados do pacto administrativo entre o governo federal, estadual e prefeituras. "Não somos discriminados", salienta Puccinelli em relação à administração de Lula (PT). Em âmbito nacional, PT e PMDB formam a base de sustentação do presidente.

Puccinelli aproveitou para refutar a crítica de que o Estado só faz obras custeadas pela União. "Pensa que é só grana do Lula? Mentira. Não desperdiçamos".

Tabuleiro - Enquanto os petistas do Estado se mostram relutantes em aceitar uma aliança e aprovaram a candidatura própria ao governo, Puccinelli já propôs "casamento" à ministra Dilma Roussef, virtual candidata do PT ao governo, e, ainda se valendo de termos figurados, afirmou que já foi ao "motel político" com os parlamentares petistas.

Assembleia vota Orçamento de R$ 14,4 bilhões de 2018 na terça-feira
O Orçamento de R$ 14,4 bilhões do Governo de Mato Grosso do Sul para 2018 passará pela votação em segunda discussão na terça-feira (19) na Assembleia...
Temer diz que adiamento da reforma da Previdência foi 'ótimo' para ganhar votos
O presidente Michel Temer procurou mostrar otimismo ao falar sobre a reforma da Previdência ao dar posse ao deputado federal Carlos Marun (PMDB-MS) c...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions