A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

19/05/2013 09:51

Sisem pede à Câmara que reajuste seja votado "com tranquilidade"

Jéssica Benitez

O projeto único de reajuste salarial dos servidores municipais deve ser votado nos próximos dias na Câmara Municipal de Campo Grande. O prefeito da Capital, Alcides Bernal (PP), enviou o documento à Casa de Leis na última sexta-feira à noite e agora aguarda respaldo dos parlamentares.

No início, as negociações entre o chefe do Executivo e os trabalhadores foi um pouco conturbada devido a algumas discordâncias em relação ao percentual ofertado pelo prefeito. Agora, porém, conforme o presidente do Sisem (Sindicato dos Servidores e Funcionários Municipais de Campo Grande), Marcos Tabosa, os servidores aprovaram todos os reajustes, após assembleia geral.

Ele afirma que já conversou com o presidente da Câmara, vereador Mario Cesar, para pedir que o projeto seja votado com tranquilidade. “Convocamos todo mundo para discutir e ficou definido com são bons os aumentos estipulados pelo prefeito”, explicou Tabosa. Segundo Bernal, os reajustes vão de 7,5% a 18% para servidores públicos de todas as categorias, como médicos, professores e cargos administrativos.

Ele havia anunciado aumento aos 18 mil servidores no último dia 2. A maior correção, de 18%, será aplicada aos mais de 8,6 mil funcionários administrativos. Os 1,3 mil médicos terão reajuste de 15%, enquanto as demais categorias de nível superior terão 7,5%.



Votar reajuste de servidor com tranquilidade? Nossos vereadores só votam rápido e com tranquilidade, o reajuste dos próprios salários. Ou alguém já ouviu comentário sobre discussão de índice para os nobres edis?
 
Hilda França em 19/05/2013 10:26:49
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions