A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017

26/02/2010 11:00

Testemunhas alegarão perseguição a deputados no PDT

Redação

Testemunhas dos deputados Onevan de Matos e Ary Rigo, que estão sofrendo processo de perda de mandato movido pelo PDT, vão alegar perseguição por parte do partido.

Hoje, os dois parlamentares estão filiados ao PSDB. A audiência para ouvir as testemunhas acontece hoje, às 13h, no TRE (Tribunal Regional Eleitoral).

O deputado estadual Coronel Ivan de Almeida, que também deixou o PDT para se filiar ao PRTB, disse que a culpa pela saída dos parlamentares foi do deputado federal Dagoberto Nogueira, que queria "por toda lei" ser presidente regional da legenda.

"Houve uma perseguição muito grande, o Dagoberto queria ser o presidente regional do partido de qualquer jeito. Quando aconteceram as eleições para o diretório municipal, ele viu que não ia ganhar o estadual e aloprou", declarou Ivan.

Ele também citou a força política do ex-ministro e presidente nacional licenciado do PDT, Carlos Luppi, nas articulações para derrubar o deputado Ary Rigo da presidente regional do partido.

"Mesmo afastado ele manda o partido, e fez toda aquela intervenção. O João Leite Scchimidt acabou assumindo o comando antes de terminar o mandato do Rigo", recordou.

Ivan só não perdeu o cargo porque não foi eleito pelo PDT, e sim pelo PSB.

Além dele, outros parlamentares e líderes políticos vão testemunhar em favor de Rigo e Onevan.

Serão ouvidos Natalino José Gonzaga, Zelito Alves Ribeiro e Ivan Profiro Louzada, presidente regional do PTB. Os deputados Jerson Domingos (PMDB), Coronel Ivan (PRTB) e Youssif Domingos (PMDB) foram solicitados pelo PSDB, atual partido de Onevan e Rigo.

Já o deputado Antonio Braga, o vereador Loester Nunes, do PDT e Wilson Huberto Grunewaldt foram arrolados por Rigo. Paulo José Araújo Corrêa, Mara Caseiro e Fernando Ortega foram chamados por Onevan de Matos.

Na ocasião também será ouvido, a pedido do MPE (Ministério Público Estadual), o deputado federal Dagoberto Nogueira.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions