ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
FEVEREIRO, QUINTA  29    CAMPO GRANDE 28º

Política

Veja quais pesquisas chegaram perto do resultado para governador de MS

Percentual obtido nas urnas por Eduardo Riedel (PSDB) foi de 56% a 43% dos votos válidos

Guilherme Correia | 30/10/2022 17:56
Riedel venceu Contar para o governo do Estado com 56,91% dos votos válidos. (Foto: Reprodução)
Riedel venceu Contar para o governo do Estado com 56,91% dos votos válidos. (Foto: Reprodução)

Ao menos, três pesquisas eleitorais feitas antes deste domingo (30), dia de eleições para o governo de Mato Grosso do Sul, indicaram que Eduardo Riedel (PSDB) era o que tinha maior intenção de voto. Com 99,71% das urnas apuradas até a publicação desta matéria, o tucano foi o 11º governador eleito no Estado.

Segundo o TSE (Tribunal Superior Eleitoral), até última atualização, o ex-secretário de Infraestrutura da gestão Reinaldo Azambuja (PSDB) estava com 56,91% dos votos válidos, enquanto Renan Contar (PRTB) somava 43,09%.

Conforme a terceira rodada da pesquisa Novo Ibrape, solicitada pelo Campo Grande News nesta quarta-feira (26), Riedel tinha 52,4% dos votos válidos. O candidato Renan Contar (PRTB) vinha 47,6%. O levantamento tinha margem de erro de 2,5%, com intervalo de confiança de 95%.

No comparativo com as pesquisas divulgadas anteriormente, Riedel seguia trajetória de alta. Antes, ele marcou 51,3% neste mesmo levantamento.

Pesquisa do Ipec divulgada ontem (29) revelou que Riedel tinha 53% das intenções de votos válidos, enquanto Renan Contar (PRTB) possuía 47%.

A última pesquisa do Instituto Ranking Brasil, divulgada na noite deste sábado, indicou que Riedel tinha 53,6% das intenções, ao passo que Contar marcava 46,4% de intenção de votos no segundo turno.

Levantamento do Real Time Big Data, divulgado na segunda-feira, mostrou ambos candidatos empatados com 46% das intenções de votos - com 8% nas demais opções.

Já a pesquisa Serpes/TV divulgada quinta-feira apontava Contar com 51,3% das intenções de voto e Riedel com 48,7%.

Por fim, o Instituto Veritá indicou em pesquisa divulgada ontem que Contar tinha 50,7% dos votos válidos e Riedel contava com 49,3%. Tecnicamente empatados, o levantamento divulgado tinha margem de erro de três pontos percentuais.

Nos siga no Google Notícias