A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017

14/03/2014 19:54

Veja quais são os membros do 1º escalão empossados hoje por Olarte

Josemil Arruda
Jamal Salém, novo secretário municipal de Saúde (Fotos: Marcos Ermínio)Jamal Salém, novo secretário municipal de Saúde (Fotos: Marcos Ermínio)
Semy Ferraz continua comandando a pasta de Obras PúblicaSemy Ferraz continua comandando a pasta de Obras Pública
Jean Saliba, indicado por vereador do PTB, continua na AgetranJean Saliba, indicado por vereador do PTB, continua na Agetran
Cícero Ávila volta a comandar a Fundação Municipal de Trabalho Cícero Ávila volta a comandar a Fundação Municipal de Trabalho
Cezar Antônio Gonçalves Afonso comanda agora a Secretaria do Meio AmbienteCezar Antônio Gonçalves Afonso comanda agora a Secretaria do Meio Ambiente
Edil Albuquerque volta a comandar a SedescEdil Albuquerque volta a comandar a Sedesc
Advogado Rodrigo Pimentel é o novo secretário municipal de GovernoAdvogado Rodrigo Pimentel é o novo secretário municipal de Governo
Depois de 29 anos na Câmara, André Scaff assumirá a Secretaria de FinançasDepois de 29 anos na Câmara, André Scaff assumirá a Secretaria de Finanças
Fiscal de carreira, Ricardo Vieira Dias comandará a Secretaria da ReceitaFiscal de carreira, Ricardo Vieira Dias comandará a Secretaria da Receita
Valtemir Alves de Brito foi empossado como secretário de AdministraçãoValtemir Alves de Brito foi empossado como secretário de Administração
Lillian Maksoud continuará chefiando o IMPCGLillian Maksoud continuará chefiando o IMPCG
Fábio Pascoal Leandro é o novo procurador jurídico do MunicípioFábio Pascoal Leandro é o novo procurador jurídico do Município

O prefeito Gilmar Olarte (PP) deu posse hoje, na Câmara de Campo Grande, a 15 secretários municipais e chefes de autarquias e fundações, de um total de 24 órgãos do primeiro escalão de governo. Ainda falta empossar titulares de pastas importantes, como a de Educação e Agência Municipal de Habitação (Emha), o que deve acontecer nos próximos dias. O perfil do secretariado é predominantemente técnico, mas com amarração de apoio político. Veja quais são os novos secretários empossados:

Saúde - O novo secretário municipal de Saúde (Sesau), Jamal Salém (PR), é médico e assume a vaga sem estar representando o seu partido. Jamal afirmou nesta sexta-feira (14), durante a solenidade de posse que pretende melhorar e agilizar o atendimento nas unidades básicas de saúde da Capital.

Obras públicas - Semy Ferraz, que comandou a Secretaria de Obras desde o início da gestão deAlcides Bernal (PP), cassado na noite de quarta-feira, continua na pasta. O petista é considerado técnico competente e viabilizou os recursos do PAC (Programa de Aceleração do Crescimento), como os R$ 300 milhões para pavimentação.

Com a permanência do petista Semy, o prefeito Gilmar Olarte sinaliza para um governo de ampla “coalizão”, inclusive com a participação do PT e praticamente ficando sem oposição na Câmara. A ex-presidente da Agetran, Kátia Maria Castilho, volta à administração municipal, mas como adjunta na secretaria de Obras.

Trânsito - Nomeado neste ano, Jean Saliba fica na presidência da Agetran (Agência Municipal de Transporte e Trânsito). Ele é engenheiro e já foi presidente do Conselho Regional de Engenharia (CREA).

Jean Saliba foi indicado pelo vereador Edson Shimabukuru (PTB), ainda na gestão de Bernal, que fez a nomeação na tentativa de ampliar sua base de apoio na Câmara e barrar o movimento pela cassação. Apesar disso, o petebista votou pela cassação de Bernal na última quarta-feira.

Trabalho - O novo presidente da Fundação Social do Trabalho (Funsat), Cícero Ávila, na verdade já é um velho conhecido do órgão, que presidiu nas gestões de André Puccinelli e Nelsinho Trad, ambos do PMDB, em Campo Grande. Ele é filiado ao PT do B.

Cícero Ávila disse que o foco agora será dar continuidade à oportunidades de emprego nas áreas de industria e comércio. “Meta da prefeitura é voltar a patamares de emprego de 2010 e 2012, muito melhores do que 2013, investir na qualificação profissional”, garantiu. Além disso, pretende ampliar oferta de vagas. “O trabalho é o mecanismo mais eficiente para movimentar economia de uma cidade”, defendeu.

Meio Ambiente - O novo chefe da Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Controle Urbanístico (Semadur) é Cezar Antônio Gonçalves Afonso, Quanto à atuação na Semadur, a prioridade, conforme o secretário, vai ser fazer um grande mutirão para dar andamento a 60 documentos de licença ambiental que estariam parados.

Essa secretaria municipal é muito pequena na área ambiental e muito mais ampla na questão do controle urbanístico.

Desenvolvimento Econômico - Empossado nesta tarde pelo prefeito Gilmar Olarte (PP), o secretário municipal de Desenvolvimento Econômico, Edil Albuquerque (PMDB), ainda quer fazer avaliação da sua pasta antes de definir as prioridades na questão do fomento ao progresso econômico da cidade.

Edil foi presidente da Comissão Processante que opinou pela cassação de Alcides Bernal (PP), providência aprovada pelo plenário da Câmara na última quarta-feira (12). Na gestão de Nelsinho Trad, encerrada em 2012, além de vice-prefeito, Edil foi chefe da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia, Turismo e Agronegócio (Sedesc), pasta que na gestão Bernal foi conduzida por Dharleng Campos. Antes de ser vice-prefeito, Edil foi presidente da Câmara de Campo Grande.

Governo - O advogado Rodrigo Gonçalves Pimentel, 34 anos, assume o desafio de comandar a articulação política do prefeito Gilmar Olarte (PP). Relegada ao segundo plano na gestão do prefeito cassado, Alcides Bernal(PP), a Secretaria Municipal de Governo ganha titular logo no primeiro dia e será comandada por um nome da cota pessoal do novo prefeito.

Ele disse que terá total autonomia para tomar as decisões necessárias para garantir a governabilidade. “Será um desafio muito grande”, ressaltou o novo secretário, que assume a vaga do empresário e suplente de senador, Pedro Chaves dos Santos Filho.

Rodrigo Pimentel é casado e formou-se em Direito em 2004 pela UCDB (Universidade Católica Dom Bosco). Ele é sócio fundador do escritório Rodrigo Pimentel Advogados Associados.

Finanças e planejamento – O procurador jurídico da Câmara de Campo Grande, André Scaff, é o novo chefe da Secretaria Municipal de Planejamento, Finanças e Controle (Seplanfic).

André Scaff é advogado e estava há 29 anos trabalhando na Câmara Municipal de Campo Grande. Ele exerceu as funções de diretor geral no legislativo, procurador jurídico e até ontem era chefe de gabinete do presidente da Câmara, Mario Cesar (PMDB).

“Vou enfrentar este chamado como um desafio, espero atender a confiança do prefeito e quero responder a altura a esta escolha, tenho o compromisso de conhecer a situação financeira do município e saber como estão as questões contábeis, espero que amanhã já faça um pré-balanço desde 2013”, afirmou

Receita - Já Ricardo Vieira Dias é auditor fiscal do município e irá entrar no lugar de Disney de Souza, que estava a frente da Secretaria Municipal de Receita. Esta pasta inclusive já sofreu mudanças, quando o ex-prefeito Alcides Bernal (PP) teve que exonerar Gustavo Freire, que respondia a processos na justiça.

Uma das primeiras ações de Ricardo Vieira Dias no comando da Secretaria Municipal de Receita será apurar as denúncias de aumento abusivo do IPTU (Imposto Predial e Territorial Urbano).

Outra meta de Dias é derrubar o tabu de que a pasta só existe para arrecadar recursos. “Quero trabalhar para reverter a receita dos impostos em bons serviços para a comunidade”, frisou. Neste sentido, a meta é intensificar a interligação com as demais secretarias para saber exatamente as prioridades da população. Auditor fiscal da prefeitura há 31 anos, Ricardo Vieira Dias disse ainda que sua indicação foi técnica e não política.

Administração - O novo secretário municipal de Administração é Valtemir Alves de Brito, que substitui Ricardo Trefzger Ballock. Valtemir é administrador e jornalista. Atuou em chefia do Gabinete Parlamentar da Câmara Municipal de Campo Grande (2006-2009) e é secretário geral do Partido Social Cristão-PSC(2003-2009).

Valtemir Brito participou, como representante do PSC, da implantação do programa de governo de Nelsinho Trad na Prefeitura de Campo Grande, através do Grupo de Trabalho suprapartidário de 2004 a 2008.

Previdência municipal – A presidência do IMPCG (Instituto Municipal de Previdência de Campo Grande) continuará sendo exercida pela médica Lillian Maksoud, que foi indicada pelo vereador Paulo Siufi (PMDB).

Embora tenha indicado a chefe do IMPCG, Siufi sempre deixou claro que votaria pela cassação de Alcides Bernal, em virtude da apuração que vez quando presidiu a CPI do Calote. Na última quarta-feira (12), Siufi confirmou esse voto, sendo um dos 23 que aprovaram a cassação de Bernal.

Procurador jurídico - O procurador-geral do município é Fábio Castro Leandro, que assume a vaga de Denir Souza Nantes. A adjunta será Kátia Sirlene Sarturi. Na Guarda Municipal não houve mudança. O coronel Jonys Cabrera Lopes permanece na chefia da Guarda Municipal e na coordenação da Defesa Civil.

Fábio Leandro é filho de um dos integrantes da corte estadual de Justiça, o desembargada Carmelo Pascoal Leandro.

 

 

 



Agora acredito que não havera mais desculpa para o municipio andar, quase todo escalão governamental da prefeitura foi trocado, então senhores secretarios vamos trabalhar, principalmente a saude e a educação do municipio estão um caos, sem uniforme, sem merenda e sem o quite escolar em muitas escolas, na saude são os postos que se antes funcionavam precariamente, na adiministração do ex-prefeiro foi um desastre, falta medicos, medicamentos e o pessoal de apoio precisa ser recicrado, vamos ver se agora vamos pelo menos ter um melhora neste setores
 
jose francisco da silva filho em 15/03/2014 08:12:29
Eu vou torcer e muito,para que os titulares da Agetran e da pasta de saúde,consertem aquilo que há tempos (não de agora) está estragado na capital do Mato Grosso daqui;O trânsito está uma me... e a saúde está em estado terminal; que o dr. Jamal,famoso urologista, tenha,agora como gestor, em seu dedo da mão o "toque do rei Midas" para melhorar a saúde no seu todo,porque se o caos, de tempos instalado, permanecer, esse toque poderá ressoar como autêntico exame de praxe, só que agora,será em crianças, jovens e idosos,ou seja em boa parte da população de Campo Grande que se utiliza da saúde pública; sejam os novos gestores,não só"homens honrados por Deus" como muitos propagam por aí, mas a mim me basta que calcem as sandálias da humildade e por ele (DEUS) sejam iluminados e deixem ser guiados
 
anderson roque martinez dos santos em 15/03/2014 08:11:30
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions