A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

23/05/2013 08:21

Vereadora licenciada defende Bernal e acusa Nelsinho de suplementação irregular

Jéssica Benitez
Thaís Helena crítica amigos de Câmara, defende Bernal e acusa Nelsinho (Foto: Divulgação)Thaís Helena crítica "amigos de Câmara", defende Bernal e acusa Nelsinho (Foto: Divulgação)

A vereadora licenciada e secretária Municipal de Assistência Social, Thaís Helena (PT), tomou as dores do prefeito de Campo Grande, Alcides Bernal (PP), e o ajudou a criticar a Comissão Permanente de Orçamento e Finanças da Câmara Municipal. Além disso, seguindo exatamente os passos de seu chefe, a petista aproveitou o embalo para acusar o ex-prefeito da Capital, Nelsinho Trad (PMDB), de anular despesas e suplementá-las enquanto foi gestor.

A exemplo de Bernal, Thaís expôs sua avaliação sobre a entrega do relatório da oitiva feita com os companheiros de trabalho, secretários Municipais Wanderlei Ben Hur (Planejamento, Finanças e Controle) e Gustavo Freire (Receita e Governo) ao TCE (Tribunal de Contas do Estado), por meio do Facebook

”Quantas dúvidas? Gostaria de saber se os vereadores reeleitos que compõe a comissão de orçamento estão com dúvidas quanto ao conceito de suplementação apenas para essa legislatura? Pois do contrário realmente fomos omissos na legislatura passada, pois anular despesas e suplementar foi o expediente usado nos últimos anos pelo ex-prefeito”, escreveu.

Após generalizar, a vereadora licenciada se isentou de qualquer possível “culpa” de erros cometidos pela Câmara no passado. “Como não fui omissa e não tenho dúvidas quanto a esse fato estou tranquila, respiro aliviada, ainda mais que quem irá emitir o parecer é o TCE que está habituado a acompanhar as suplementações dos mandatos anteriores e dos municípios do MS, que bom que não teremos mais duvidas de ninguém em pouco tempo”, finalizou.

O que mais chama atenção, porém, não são os recorrentes ataques feitos pela base aliada ao chefe do Executivo na internet à oposição, mas sim que a secretária não tem o hábito de usar as redes sociais para “atacar”, ao contrário, quem vê a “linha do tempo” dela na página eletrônica vai constatar que a petista utiliza a mídia para propagar as benfeitorias de seu trabalho a frente da pasta de Assistência Social.

Guerra virtual – Embora alegue que tem uma agenda lotada de compromissos e que não tem tempo para temer possível cassação de seu mandato, somente ao decorrer do dia, nesta quarta-feira, Bernal usou o Facebook quatro vezes para postar críticas à Comissão de Orçamento e Finanças.

No meio tempo, ele tentou de todas as formas convencer à população de que a atitude tomada pelos vereadores era pura e simplesmente para desviar o foco da CPI (Comissão Parlamentar de Inquérito) da Saúde instalada na Casa de Leis. Outra estratégia, já um pouco “manjada”, foi dizer que a gestão passada sim fez suplementação de verba de forma errônea, acusando o próprio Tribunal de Contas de aprovar contas supostamente irregulares.

“Não custa lembrar que o TCE aprovou as contas dos nossos antecessores que sempre usaram esse instrumento da mesma maneira que fizemos as nossas suplementações e como é realizada no governo estadual e nos municípios do nosso estado”, escreveu Bernal.



Parabéns pelo versículo de Romanos Márcia frança, o pior é que existem certos vereadores que tem conhecimento da Palavra de Deus mas não a pratica.
 
Zenilda lopes em 31/05/2013 20:40:20
A vereadora Thais Helena, que ocupa um cargo estratégico na administração municipal, deveria voltar às salas de aula para um período de reciclagem com a gramática. Seus posts sao de difícil leitura por causa dos erros de concordância, acentuação e pontuação. Fica a dica, Thais!
 
João Neemias em 23/05/2013 21:22:47
Caracas, sobrenomes famosos nos comentários contra o prefeito Bernal, mas como o meu sobrenome também é antigo(500 anos), acho lamentável a atitude dos vereadores desviando o foco da CPI da saúde, que pelo presidente e alguns componentes vai acabar em pizza.e os órgãos de imprensa, não existe imparcialidade cada um tem um lado, falta em Campo Grande uma Carta Capital ou Caros Amigos, que pena.Será que vão publicar meu comentário ?
 
jorge cabral em 23/05/2013 12:04:26
BADERNAL? Gostei.
 
Carlos Marques em 23/05/2013 11:09:22
Essa ai devia estar preocupada com a falta de alimentos nos ceinfs! esse e o problema da administração do BADERNAL, todos preocupados com os problemas do passado e esquecem de trabalhar para consertar os problemas de hj! eles reclamam tanto do passado e poem a culpa nos outros! ta na hora de virar "homem" esse bernal, vai trabalhar! vc tem quase dois bilhoes de reais para administrar a cidade!
 
eduardo maluf em 23/05/2013 09:11:18
Esse versículo eu dedico aos vereadores:"Portanto, você, que julga os outros é indesculpável; pois está condenando você mesmo naquilo em que julga, visto que você, que julga, pratica as mesmas coisas. "
Romanos 2:1
 
Marcia frança em 23/05/2013 08:57:25
Não tenho nenhuma simpatia a partido ou a Bernal, mas tenho que concordar com a perseguição politica e dispistar o caso da saúde que é de responsabilidade de Nelsinho tem que assumir os seus erros.
 
Goreth Alencar em 23/05/2013 08:39:14
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions