A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

04/03/2010 13:40

Veto ao projeto da pornografia teve votação adiada

Redação

Por conta da reunião com os agentes de saúde na manhã desta quinta-feira, o veto ao projeto de lei que estabelece limite à exibição de materiais eróticos e pornográficos não foi votado na sessão da Câmara Municipal de Campo Grande.

O presidente da Câmara, Paulo Siufi (PMDB), encerrou a sessão sem que fosse realizada a votação por entender que não haveria tempo hábil.

A matéria só poderá ser apreciada na próxima semana, provavelmente na terça-feira. A data ainda será definida por Siufi.

O projeto cria restrições à divulgação de materiais publicitários em outdoors, banners, faixas e cartazes, comerciais de cerveja e de sexshops. As revistas pornográficas também passariam a ter as capas encobertas nas prateleiras das bancas.

A proposta chegou a virar motivo de troca de farpas entre o prefeito Nelson Trad Filho e os vereadores.

Assembleia vota Orçamento de R$ 14,4 bilhões de 2018 na terça-feira
O Orçamento de R$ 14,4 bilhões do Governo de Mato Grosso do Sul para 2018 passará pela votação em segunda discussão na terça-feira (19) na Assembleia...
Temer diz que adiamento da reforma da Previdência foi 'ótimo' para ganhar votos
O presidente Michel Temer procurou mostrar otimismo ao falar sobre a reforma da Previdência ao dar posse ao deputado federal Carlos Marun (PMDB-MS) c...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions