A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

29/10/2014 14:51

Drones serão utilizados para análise de precisão da lavoura de soja

Priscilla Peres
Área já foi escolhida e análise começa nesse fim de semana.  (Foto: Famasul)Área já foi escolhida e análise começa nesse fim de semana. (Foto: Famasul)

A safra de soja 2014/15 em Mato Grosso do Sul será monitorada com mais precisão, por meio de imagens de alta resolução e que vão proporcionar ao produtor mais conhecimento sobre área e pragas. Isso será possível com a utilização de drones em lavouras e os dados serão disponíveis no Siga (Sistema de Informação Geográfica do Agronegócio).

A análise será feita por meio de uma parceria entre a Aprosoja/MS (Associação de Produtores de Soja de Mato Grosso do Sul) e a UCDB (Universidade Católica Dom Bosco), além de duas empresas que vão disponibilizar os drones, para a captura das imagens em uma propriedade rural de Campo Grande.

O analista de grãos da Famasul (Federação da Agricultura e Pecuária de MS), Leonardo Carlotto, explica que foi escolhida uma propriedade em que o plantio ainda não começou, para que a análise seja feita de forma integral. "Já fizemos uma visita na área escolhida e o trabalho está previsto para começar nesse fim de semana, junto com o plantio. O objetivo é acompanhar a safra desde o início até a colheita".

Será feito o acompanhamento semanal da progressão do plantio com a observação do possível crescimento de ervas daninhas, surgimento de pragas, falhas na plantação e falta ou excesso de água. "Temos duas áreas, uma de 14 anos e outra de 2 anos de cultivo, também vamos ver a diferença entre as áreas recente e antiga e ver a viabilidade de identificar pragas e doenças a partir das imagens", afirma Carlotto.

O analista afirma que o trabalho vai resultar em uma agricultura de precisão, pois os drones tem um alcance maior do que o satélite. "Atualmente disponibilizamos as informações rurais por meio do Siga que coleta imagens via satélite, só que com baixa resolução e a cobertura de uma área grande. Com os drones as imagens serão em alta resolução e em escalas menores".

Carlotto reforçou ainda que os resultados da pesquisa serão essenciais para que se possa mensurar a economia alcançada, lucro, rendimento e aumento na produção. “O resultado desta pesquisa nos oferecerá subsídios para analisar o custo benefício do investimento com o equipamento, e se vale a pena para o produtor rural”, reforçou o analista.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions