A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

13/11/2015 15:12

Prazo para cadastro de produtores de soja termina no próximo dia 10

Priscilla Peres

Há menos de um mês do fim do prazo, apenas 37% dos produtores rurais de Mato Grosso do Sul fizeram o cadastro da área de plantio de soja, mas conhecido como ‘cadastro do produtor'. A não realização implica em multa de quase R$ 5 mil.

A Iagro (Agência Estadual de Defesa Animal e Vegetal) alerta ao produtores que o prazo termina no dia 10 de dezembro e que o cadastro é uma ferramenta de monitoramento das plantações de soja do Estado, armazena os dados sobre a área e data de plantio de cada propriedade, que são utilizados no trabalho de monitoramento das lavouras para controle da ferrugem asiática.

“A informação sobre as propriedades que irão plantar e ainda sobre a incidência de ferrugem, que podem ser inseridas no sistema, proporciona maior agilidade ao nosso trabalho. As decisões, se tomadas com rapidez podem evitar que a doença se espalhe”. Afirma o chefe da Divisão de Defesa Vegetal de Mato Grosso do Sul, Filipe Portocarrero Petelinkar.

Segundo Filipe, o cadastro está disponível desde 2006, é obrigatório e passível de multa para o produtor que não mantiver as informações em dia, inclusive comunicando a incidência de ferrugem asiática.

O produtor que não fizer o cadastro dentro do prazo poderá ser multado em 200 UFERMS (atualmente cada UFRMS tem o valor de R$ 22,24), que hoje ficaria em torno de R$ 4.448,00. Para fazer o cadastro, p produtor deve entrar no Cadastro Produtor de Soja.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions