A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 22 de Outubro de 2017

14/02/2015 08:07

Safra de milho deverá ser 6,4% maior e atinge 8,3 milhões de toneladas

Vanda Escalante
(Foto: Reprodução)(Foto: Reprodução)

Terceiro maior produtor de milho do país, Mato Grosso do Sul deverá registrar aumento de 6,4% na produção para a safra 2015. A projeção considera que o Estado mantém a área plantada de 1,67 milhão de hectares, mas aumenta a produção do grão, que deixa a casa dos 7,8 milhões e passa para 8,3 milhões de toneladas, com média de 82 sacas de milho por hectare. Os dados são do Siga (Sistema de Informações Geográficas do Agronegócio de MS), ferramenta da Aprosoja/MS (Associação dos Produtores de Soja de MS).

O milho safrinha foi a cultura agrícola que mais avançou no Estado. Há cinco anos, eram 930 mil hectares de área plantada, e a produção registrava 3,3 milhões de toneladas. Comparando com a estimativa para a próxima safra, o incremento é de 145% na produção. Mas entre as cultivares de verão, o destaque ainda fica com a soja, que, em cinco anos, avançou 22%, passando de 5,3 mil toneladas para 6,8 mil toneladas, comparando com a estimativa da safra 2014/2015 que começa a ser colhida.

O clima desfavorável nos meses de outubro e novembro, período de semeadura da soja, achatou o intervalo do ciclo de desenvolvimento do milho, que normalmente acontece de janeiro a maio. Mesmo diante do cenário atípico, ainda não é possível falar de prejuízos.

Em Mato Grosso do Sul, os produtores também plantam milho primeira safra, apesar de a prática ser decrescente. De acordo com a Conab (Companhia Nacional de Abastecimento), em 2013/2014 o Estado registrou 225 mil toneladas do grão plantado em primeira safra, e a expectativa para a próxima é de 160 mil toneladas.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions