A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

27/01/2012 13:25

Tratores antigos chamam atenção em meio à tecnologia de ponta no Showtec

Fernando da Mata

Fabricado em 1944, trator de Oomen é "bem bonito e flex". Surpreso com ronco do motor, estudante diz: "achava que nem ligava mais"

Trator fabricado em 1944 é o xodó do presidente da Ascomar (Foto: João Garrigó)Trator fabricado em 1944 é o xodó do presidente da Ascomar (Foto: João Garrigó)

Em meio ao universo da tecnologia de ponta em vários segmentos, 29 maquinários agrícolas ‘experientes’ no trabalho do campo chamaram a atenção durante exposição no Showtec, em Maracaju, distante 160 quilômetros de Campo Grande.

O acervo de 22 tratores e sete máquinas agrícolas pertence a 27 membros da Ascomar (Associação dos Colecionadores de Máquinas Agrícolas Antigas de Maracaju).

De nacionalidade holandesa, o presidente da entidade e produtor rural, Henricus Johannes Marinus Oomen, tem 79 anos e mora há 43 no estado. Ele relatou ao Campo Grande News como a entidade foi fundada em 2004.

“Eu tinha um trator antigo guardado e alguns amigos tinham também. Então juntamos e fundamos a associação”, contou Oomen.

Questionado sobre a joia mais preciosa dentre o maquinário, o produtor rural holandês mostrou à reportagem um trator vermelho fabricado nos Estados Unidos em 1944.

“Eu acho ele bem bonito e ele é flex. Dá partida na gasolina e anda com diesel. Tem vela, carburador, bico injetor”, exemplificou o presidente da Ascomar enquanto mostrava a parte mecânica da máquina norte-americana.

Após a descrição, Henricus colocou o trator para funcionar. O produtor rural Max Matter, 61 anos, também é membro da associação e explicou sucintamente o funcionamento do motor. “Primeiro, ele funciona um minuto a gasolina, depois a gente muda para o diesel”.

Máquinas antigas fazem parte de acervo de museu (Foto: João Garrigó)Máquinas antigas fazem parte de acervo de museu (Foto: João Garrigó)

Mudança fácil de perceber só de ouvir o ronco do trator vermelho, que apesar de ser o xodó, não é o mais antigo da coleção. Com 115 anos, uma máquina a vapor de fabricação alemã, usada para serraria, é a mais ‘experiente’ do acervo, que engloba também colheitadeiras e caminhões.

O estudante Luiz Fernando Lopes, de 13 anos, ficou admirado ao ver o trator norte-americano em funcionamento. “Porque é máquina antiga, eu achava que nem ligava mais”, declarou o adolescente que passeava em meio ao maquinário antigo com dois amigos.

Atualmente, a Ascomar tem um museu de 680 m² no Parque de Exposições de Maracaju.

Principais tecnologias – O que predomina no Showtec são as mostras de 600 tecnologias de ponta e sistemas para a melhoria do agronegócio e da produção do pequeno produtor.

No âmbito do cultivo de grãos, por exemplo, destaque para exposição de 80 variedades de soja, 70 híbridos de milho e 85 tratamentos para proteção de plantas contra pragas, insetos e doenças.

Além disso, sistemas de integração lavoura-pecuária, cana-de-açúcar ligada à agroenergia, mostra de agricultura familiar e máquinas e implementos agrícolas de precisão.

Mostra de produção agroecológica (Foto: João Garrigó)Mostra de produção agroecológica (Foto: João Garrigó)

Voltado para o pequeno produtor rural, um estande de produção agroecológica integrada e sustentável foi montado em um espaço de 900 m² no Showtec.

O sistema agroecológico tem um galinheiro no ponto central, para facilitar o aproveitamento de resíduos e para produção de adubo. Ao redor do galinheiro, existem três canteiros em forma de anel onde são cultivadas hortaliças e ervas medicinais. No entorno, é instalado o quintal agroecológico para produção de frutas, grãos e outras culturas.

O consultor do Sebrae (Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas) do estado, Elio Sussumu Kokehara, disse que já existem 350 unidades agroecológicas em funcionamento distribuídas em oito municípios do estado. Ainda este ano, a previsão é de que outras 250 sejam instaladas, de acordo com Kokehara.

Showtec - Com tema ‘produção de alimentos com consciência ambiental’, o Showtec termina nesta sexta-feira (27) em Maracaju. O evento é considerado um dos maiores do agronegócio na região Centro-Oeste.

O foco é mostrar alternativas para recuperação de nove milhões de hectares de pastagens degradadas em Mato Grosso do Sul, de acordo com o diretor-executivo da Fundação MS, Dirceu Luiz Broch.

“Vamos usar a tecnologia para recuperar essas áreas degradadas de maneira correta e que traga rentabilidade ao produtor. Com isso, diminuiu problemas ambientais de erosão e o efeito estufa”, explicou Broch.



O melhor exemplo de tecnologia no campo está aqui em Maracaju. É só dar terra, crédito e assitencia técnica, que o Brasil será o maior produtor de alimentos do mundo.
Parabéns a todos técnicos, diretores e funcionários da Fundação MS, por este Show de tecnologia.
 
nelson dias neto em 27/01/2012 04:27:02
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions