A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 28 de Março de 2017

09/04/2012 09:00

Rodovias federais têm redução de acidentes na Operação Semana Santa

Aline dos Santos
Acidente entre Fusca e carreta no entroncamento das rodovias 163 e 359.(Foto: PC de Souza)Acidente entre Fusca e carreta no entroncamento das rodovias 163 e 359.(Foto: PC de Souza)

O feriado da Semana Santa teve redução de acidentes e mortes neste ano nas rodovias federais que cortam Mato Grosso do Sul. De quinta-feira até ontem, a PRF (Polícia Rodoviária Federal) registrou 48 acidentes e uma morte. No ano passado, no mesmo período, foram 51 acidentes e duas mortes. Neste ano, os acidentes deixaram 25 feridos. Em 2011, foram 21.

O acidente fatal foi registrado na BR-158, em Paranaíba. Na noite de quinta-feira, Maria Inez Neto Salvador, de 44 anos, morreu após sofrer queda de motocicleta. Ela pilotava uma moto Fan-125.

Uma testemunha, que estava na garupa da moto, relatou que conseguiu sair da pista, mas Maria Inez permaneceu na rodovia e acabou sendo atropelada por um caminhão que vinha em alta velocidade. O motorista do caminhão fugiu sem prestar socorro. A vítima morreu no local.

Na Operação Semana Santa, foram emitidas 1.544 multas, sendo a maioria por excesso de velocidade e ultrapassagem em local proibido. A PRF flagrou 11 condutores dirigindo embriagados. Do total, 7 foram presos em flagrante.

A BR-163 foi a campeã de acidentes. A rodovia tem 840 km de extensão, indo de Mundo Novo a Sonora. Em Coxim, acidente entre um Fusca e uma carreta deixou três pessoas feridas na Sexta-feira Santa. A colisão aconteceu no entroncamento das BRs 163 e 359.

Segundo a PRF (Polícia Rodoviária Federal), o trecho da BR-163 que contorna Campo Grande (entre as saídas para São Paulo e Cuiabá) é considerado mais crítico.

Outros trechos de considerados críticos são: BR-060 (região de Jardim), BR-267 (entre Bataguassu e Nova Alvorada do Sul), BR-463 (entre Dourados e Ponta Porã) e BR-262 (perímetro urbano de Três Lagoas). A PRF destacou um efetivo de 300 policiais para os quatro dias de operação.




Ontem passei pela BR entre Bataguassu e Nova Alvorada do Sul...tem um trecho(sentido Bataguassu) muito perigoso, pois embora a via tenha sido reformada, os caminhões pesados deixaram um rastro no asfalto, e quando um carro pequeno passa pelo mesmo está sujeito a perder o controle dependendo da velocidade...
 
Lucas Andrade em 09/04/2012 10:10:03
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions