ACOMPANHE-NOS    
NOVEMBRO, SEXTA  27    CAMPO GRANDE 28º

Lugares por Onde Ando

Se vai viajar no fim de ano, hotel não será problema

Por Paulo Nonato de Souza | 22/10/2020 08:13
A retomada dos hotéis de rede no Brasil já beira 100% com 127.593 quartos disponíveis para receber turistas (Foto: Divulgação)
A retomada dos hotéis de rede no Brasil já beira 100% com 127.593 quartos disponíveis para receber turistas (Foto: Divulgação)

Se você pretende viajar no fim do ano, hotel não será problema. Levantamento divulgado esta semana pelo Fórum de Operadores Hoteleiros do Brasil (FOHB) aponta que a oferta nacional de meios de hospedagem se aproxima da normalidade antes da pandemia de coronavírus (Covid-19). Diz que já foram reabertos 91% dos hotéis das 64 redes entrevistadas até o último domingo, 18, o que representa 127.593 quartos disponíveis para receber turistas em todo o país.

É um dado determinante na retomada do turismo no Brasil, após longo período de paralisação das atividades por conta da pandemia, e significa que ninguém disposto a viajar precisará cancelar os planos por falta de lugar para se hospedar no verão que se iniciará em 21 de dezembro.

O levantamento traz alguns destinos com maior índice de operação hoteleira: Porto Alegre (RS), Florianópolis (SC) e Brasília (DF) que apresentam 100% das redes em funcionamento, além de Campinas (SP), com 97,8%; Manaus (AM), 93,4%; São Paulo (SP), 91,6%; e Curitiba (PR), que registrou 90,1%.

Há alto índice de atividades também nos hotéis de Vitória (ES) com 88%; Salvador (BA), 84,3%; Belo Horizonte (BH), 84,1%; e Rio de Janeiro (RJ), com 76,5%. Dos estabelecimentos que ainda estão fechados, 45% pretendem reabrir ainda este ano e cerca de 20% deles em outubro.

“Neste ritmo, podemos esperar que a retomada siga com foco na temporada de verão. E, para oferecer um serviço seguro aos turistas e funcionários, os estabelecimentos devem seguir todas as medidas de biossegurança, como as estabelecidas pelo Selo Turismo Responsável do Ministério do Turismo”, disse o ministro do Turismo, Marcelo Álvaro Antônio, ao comentar o levantamento do Fórum de Operadores Hoteleiros do Brasil. “É importante que seja uma reabertura segura, seguindo os protocolos sanitários estabelecidos”, ressaltou ele.

Lançado em junho, o selo “Turismo Responsável - Limpo e Seguro”, do Ministério do Turismo, já foi emitido para 22,9 mil empresas prestadoras de serviços turísticos em todo o país, segundo o MinTur. Em Mato Grosso do Sul, 228 empresas obtiveram o certificado de boas práticas de higienização no combate à pandemia de coronavírus.

O selo é gratuito e está disponível para 15 atividades turísticas, como meios de hospedagem, parques temáticos, restaurantes, cafeterias, bares, centros de convenções, feiras, exposições, guias de turismo, dentre outros. Cada segmento possui um protocolo sanitário específico.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário