A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 10 de Dezembro de 2016

02/07/2012 15:58

Estudante que assassinou diretor de escola premeditou crime

Nadyenka Castro e Elverson Cardozo

De acordo com a Polícia Civil, adolescente disse que comprou revólver há 15 dias, e, na data do crime, assistiu aula armado

Delmiro foi morto com vários tiros.(Foto: Divulgação/ Nova News)Delmiro foi morto com vários tiros.(Foto: Divulgação/ Nova News)

O estudante de 16 anos que assassinou o diretor escolar Delmiro Salvione Bonin, 53 anos, na última quinta-feira (28 de junho), no distrito de Nova Casa Verde, em Nova Andradina, a 300 quilômetros de Campo Grande, premeditou o crime. A informação é da Polícia Civil.

De acordo com o delegado responsável pelas investigações, André Luiz Noveli Lopes, o garoto declarou que comprou a arma utilizada no crime já com intenção de matar Delmiro, que dirigia a Escola Municipal Luiz Claudio Josué, onde o infrator estudava.

O adolescente se apresentou à Polícia Civil na madrugada desta segunda-feira e prestou depoimento acompanhado da mãe. Conforme o delegado, o infrator confessou o crime e contou que há aproximadamente 15 dias uma pessoa ofereceu o revólver calibre 22 no comércio da família e ele a comprou, já com o propósito do assassinato.

O adolescente declarou ainda que faltou à escola nos três dias anteriores à data do crime (segunda, terça e quarta) e na quinta-feira, assistiu às aulas armado. Ao fim do horário escolar, saiu normalmente e esperou Delmiro na calçada do colégio.

Quando o diretor seguia para o ônibus de transporte escolar, o estudante atirou e fugiu. Foram seis disparos. Delmiro foi socorrido ao hospital Cassems, mas não resistiu aos ferimentos.

De acordo com André Noveli, o aluno alegou que matou o diretor porque este o perseguia. Entre as reclamações do adolescente está o fato de Delmiro ter dito que ele ‘não tinha jeito’ e o ter mandando entrar na escola às 12 horas, enquanto os demais alunos entravam às 11h40min. O aluno falou ainda que não sabia o nome do professor.

O revólver utilizado para matar o diretor não foi localizado. Segundo o delegado, o menino disse que a arma caiu durante a fuga e ele acabou perdendo-a. Diligências foram feitas, mas o objeto não foi encontrado.

A mãe do infrator falou à Polícia Civil que não sabia que o filho tinha a arma, mas que quando soube do crime, suspeitou do menino.

Agressões – Antes de matar Delmiro, o adolescente já havia se envolvido em agressões na escola. Desde 2010 há registros policiais em que o menino é apontado como responsável por brigas com vítimas lesionadas.

O garoto está na delegacia de Polícia Civil de Nova Andradina e aguarda transferência para Unei (Unidade Educacional de Internação).




agoora vimos como estamos nessecitando de policiais nas escolas pois a todo o momento estamos surpreendido por alunos mal educado > eu e minha amiga q esta escrevendo nos achamos q esse alunos naum divian ficar soltos depois de passar pra a casa de guarda deviam ir diretamente ao destrito policial ..... vamos povão
ajuda a nossa populacão a ter mais policiamento nas escolas .
 
Pamella alves em 03/07/2012 09:54:58
Esse garoto não tem coração, não pensou na familia, amigos, do diretor
 
Ester Corrêa Ferreira em 03/07/2012 09:48:04
que vergonha um adolescente matar o diretor. uma injustica o diretor perde sua vida por nada.
 
adriano da silva nunez em 03/07/2012 09:47:40
A falta de Deus na vida dessas pessoas que fazem isso é muito grande, não adianta nada colocar em uma prisão, ou consultar com psicologos, somente Jesus pode mudar a história dessas pessoas. Isso ja faz parte do caráter da pessoa ser bandido ou criminoso, então só Deus para mudar esses corações endurecidos e maldosos.
 
Evandro Fossato em 03/07/2012 02:39:57
E agora menos um Professor e mais um bandido que no máximo em 3 anos estará solto para praticar mais crimes.
Sinceramente, tenho vergonha de ser Brasileiro!
 
João Luiz em 02/07/2012 11:04:22
Sem comentarios né??quando é que vamos alterar essa idade para esse monstrinho possa ir direto para a cadeia e não para casa de guarda, tem que acabar com esse estatuto, olha o que esse Pais esta virando, as vidas das pessoas de bem não tem valor para esses marginais, espero que com alteração no codigo penal que esta sendo analisado pelo congresso altera a maoiridade penal para no minimo 14 anos.
 
jose mello em 02/07/2012 09:57:27
infelismente esses menores praticam crimes porque tem certeza que vão ficar impunes, a Lei tem que ser mudada urgente, se um menor de 16 anos tem condições de escolher quem vai nos representar no País, Estados e Municípios, então ele está apto a responder pelos seus atos.
 
neuza camargo em 02/07/2012 07:39:02
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions