A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 06 de Dezembro de 2016

09/09/2015 14:58

Fogo em vegetação atinge 32 vagões da ALL que transportava celulose da Fibria

Renata Volpe Haddad
Incêndio atingiu 32 vagões da ALL que estavam carregados com celulose. (Foto: Folha da Região/Divulgação)Incêndio atingiu 32 vagões da ALL que estavam carregados com celulose. (Foto: Folha da Região/Divulgação)

Carregado com celulose da empresa Fibria, situada em Três Lagoas, 32 vagões da ALL (América Latina Logística) pegaram fogo na tarde de ontem (8), destruindo toda a carga e os vagões, na região do município de Valparaíso, em São Paulo.

Veja Mais
Fibria pede indenização de R$ 100 mi da Eldorado por uso indevido de eucalipto
Fibria inicia expansão e contrata cerca de 60 fornecedores locais

Através de nota, a ALL informou que os vagões pegaram fogo após a composição passar próxima a um incêndio na mata, às margens da rodovia. Equipes da concessionária trabalham para a remoção da carga e dos vagões atingidos.

Conforme a empresa, será feita uma apuração detalhada sobre os danos à ferrovia e à carga de celulose que era transportada e seria levada até o porto de Santos, São Paulo.

De acordo com o site Perfil News, o vento fez com que o fogo se alastrasse e atingisse a composição. Militares do Corpo de Bombeiros foram chamados para atender a ocorrência.

Até o momento, nem a ALL nem a Fibria, confirmaram a quantidade de celulose que estava sendo transportada. Procurada pela reportagem do Campo Grande News, a Fibria informou que todas as medidas cabíveis estão sendo tomadas para a contenção do incêndio e segurança da comunidade.

O fogo se alastrou na mata próxima à ferrovia. Celulose seria descarregada no porto de Santos. (Foto: Folha da Região/Divulgação)O fogo se alastrou na mata próxima à ferrovia. Celulose seria descarregada no porto de Santos. (Foto: Folha da Região/Divulgação)



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions