A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 23 de Junho de 2017

05/01/2013 15:03

Alicerces

Por Rinaldo Aparecido Santiago (*)

Hoje, passando em frente a um muro recentemente construído pus - me a observar a firmeza de sua estrutura. Pelo que pude perceber, pelos meus parcos conhecimento de engenharia, com certeza irá durar muito tempo.

Fico imaginando os alicerces sobre os quais cada um de nós é edificado ao longo de nossa vida.

Se as bases que nos sustentam são frágeis, chegará um época em que iremos desmoronar. Se o alicerce que nos sustenta foi precariamente construído, logo cairá em ruínas.

O Evangelhos bem nos lembra a respeito do homem que construiu a sua casa sobre a areia e veio a chuva e a levou. Também fala de outro que construiu sua casa sobre a rocha, veio o vento sobre ela, mas a mesma não caiu.

É muito triste vemos personalidades alicerçadas em coisas acidentais: aplauso, coisas fúteis, prazeres, dinheiro, fama, poder...

É uma pena, pois no momento em que estas coisas deixaram de existir a pessoa sente-se ruir internamente.

Se faz urgente que nos preocupemos em construir nossa personalidade sobre coisas realmente sólidas. Valores internos que nos permitam, em momentos difíceis, termo onde nos agarrar.

Chega de irmos atrás destes valores superficiais que o mundo prega, nos dizendo que para ser feliz temos que ter o carro dos ano, usar roupa de tal grife, viajar par tal lugar.

Nos afirmam que temos que ser diferente, fazendo tudo. Ledo engano, Fazemos tudo isso e nos tomamos iguais, a uma multidão que também se diz diferente. Se para parece diferente é preciso tonar-se igual, confesso que não entendo.

Apareçam as essências, caiam as aparências acidentais, que nos dão sustento. Busquemos coisas que nos construam de verdade: amor, a fraternidade, as boas relações, os amigos, e por fim uma forma de religião.

Verifique, enquanto há tempo, quais são as fundações de sua personalidade. Com que tipo de cimento está sendo feito o alicerce.

Investigue a quantos metros de profundidade estão sendo colocadas as estacas. Perceba se os ferros que vão amarrar as vigas são de boa qualidade. Olhe os fios para ver se a iluminação ficará voa.

Consulte bons encanadores. Bons engenheiros. Use material da melhor qualidade. Não se engane que rendo fazer as coisas pela metade ou procurando preços mais razoáveis. Às vezes, o barato sai caro. E você não quer que amanhã a casa caia e você fique ao relento.

Construa-se ajude a construir, também, o outros.

(*) Rinaldo Aparecido Santiago é frei na Paróquia São Francisco de Assis - Campo Grande,MS

Brasil potência no mundo da ciência: entre o intelectual e o manicomial
Não se pode dizer ao certo se por conta de uma "cultura da avaliação" – seja lá o que isso signifique – ou se por um instinto de vaidade, quando são ...
O círculo de todos nós
São inúmeros os estudos que tratam da distinção entre o público e o privado. No entanto, estamos vivendo um novo momento da humanidade em que essa fr...
O Segredo da Juventude
Quem quer ser jovem? Sabe-se que as pessoas buscam a cada dia uma supra valorização da aparência, principalmente nos dias atuais. A cantora Madonna (...
O papel da escola na integração da pessoa com deficiência
Para que a pessoa com deficiência aprenda, ela precisa ser integrada ao meio e ao convívio social. E a escola tem um papel fundamental nessa integraç...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions