A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

24/03/2012 06:00

Papagaio de pirata

Jogo Aberto

Marcando presença

O governador André Puccinelli (PMDB) está fazendo questão de participar de eventos mais “calmos”. Durante lançamento do Cadastro Estadual de Recursos Hídricos, Puccinelli contou que está buscando participar também de coisas relevantes, porém mais tranquilas.

Queixa

Sobre isso, o governador reclamou com o cerimonial, dizendo que só lhe chamam quando é para brigar, porque é “toco duro”.

Empurrão

O governador André Puccinelli já está começando a dar os famosos empurrões na campanha para vereador. “Você é um guri bom”, disse o governador ao jornalista e ator Eduardo Romero, dizendo que deve apoiá-lo se ele for candidato em outubro. Romero já é suplente de vereador.

Renovação

Ao incentivar a candidatura de Romero, o governador justificou que era mais um reforço, lembrando que precisa de uma gurizada nova, com tesão. Ao usar a palavra, reforço que estava falando de tesão "político”.

Palavra

Puccinelli comprovou o incentivo à candidatura de Romero. Em um evento de cultura, pediu para ele levantar e mostrar a cara.

Em ano de campanha

Os eventos em Campo Grande estão a todo vapor por conta da eleição. Em qualquer cerimônia é possível encontrar alguém de olho na possibilidade de conseguir algum destaque. Tem sido comum, na ânsia de aparecer ao lado do governador, que vereadores nem se preocupem com o cerimonial e sobem no palco sem ao menos ser convidado.

Conversa chata

O governador André Puccinelli não tinha nem almoçado durante um evento às 15 horas. A justificativa, medo de indigestão, tendo em vista que teria, em seguida, uma conversa com Geraldo Resende (PMDB) e Marçal Filho (PMDB) sobre sucessão em Dourados.

Ressabiado

Puccinelli não está gostando de alguns ministros de grande articulação no Governo Dilma, mas para evitar prejuízos, prefere não citar nomes. “Enquanto não cair não pode falar nada”, brincou.

Da família

O chefe do setor de Comunicação da Prefeitura de Campo Grande, Robson Gatti, foi adotado como neto do ex-governador Pedro Pedrossian. Casado com a neta do ex-chefe de Estado, Gatti é o queridinho da casa. “É meu neto predileto”.

Admiração

O ex-governador elogiou outros colegas durante entrevista à imprensa e disse que Londres Machado (PR) seria um bom governador. O ex-governador avalia que Londres conhece tudo e é muito inteligente, avaliando que para sobreviver como ele é preciso ser inteligente.

2018 será ano mais curto para o Legislativo
Três meses – Carnaval, Semana Santa, campanhas eleitorais, Copa... Tudo isso encurta 2018 para os trabalhos legislativos. A observação é de Fábio Tra...
Máfia do Cigarro passa quase livre nas estradas
Esquema antigo - A atuação da Máfia do Cigarro em Mato Grosso do Sul vem de décadas e, de tempos em tempos, surge uma nova denúncia envolvendo polici...
MS também tem "bunker" cheio de dinheiro
Versão tupiniquim - O “bunker”de Geddel Vieira, que escondeu R$ 51 milhões de propina, tem versão pantaneira. Paredes de apartamento de um político e...
Secretário torce e comemora venda da folha
Torcida - Parecia um jogo valendo título a forma como o secretário de Finanças e Planejamento de Campo Grande, Pedro Pedrossian Neto, acompanhava a a...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions