A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 22 de Outubro de 2019

04/05/2018 06:31

Uma nova civilização?

Por Oscar D'Ambrosio (*)

O filme 'Jogador Nº 1', de Steven Spielberg, traz uma série de questionamentos de grande atualidade. Seguramente não é o melhor filme dele, mas isso não impede que a obra nos obrigue a questionar boa parte do cotidiano que vivenciamos hoje, principalmente as fronteiras entre o real e o imaginário, entendendo este último como um local para se esconder de uma existência da qual queremos fugir.

A obra aponta uma situação assustadoramente próxima de nós. Em 2044, o protagonista, assim como o resto da humanidade, prefere a realidade virtual do jogo OASIS ao mundo real. O criador do game, ao morrer, anuncia que deixará justamente a propriedade de sua maior criação para a primeira pessoa que encontrar o tesouro ali escondido.

Para isso, será necessário entrar no programa para jogar e resolver enigmas que darão acesso a três chaves (Bronze, Jade e Cristal). Repleto de referências da cultura pop, o filme pode ser lido de muitas formas, desde uma simples aventura visual deslumbrante a uma jornada de amadurecimento existencial dos protagonistas e seus ajudantes.

Prefiro ficar com a que entende a obra como um alerta simbólico para a necessidade de preservação das relações e dos contatos que chamamos reais. Existe ao final do filme a sinalização da mensagem de uma limitação do escape para o mundo virtual. Somente assim uma nova civilização poderia ser iniciada. Nela, a capacidade de imaginar e de se relacionar com outras pessoas assumem papeis preponderantes. Que assim seja! Que essa Força esteja conosco!

(*) Oscar D'Ambrosio, mestre em Artes Visuais, é doutor em Educação, Arte e História da Cultura.

Um olho no peixe, outro no gato
O agro brasileiro poderia ser bem mais assertivo em sua comunicação com os mercados, aqui e no exterior. Falar mais das coisas boas que faz, seguindo...
Como transformar a nossa relação com a natureza?
Falar em meio ambiente não é algo abstrato. Se traduz no ar puro que respiramos, na água que bebemos e na fauna e flora que nos cercam. Somos depende...
Sem comunicação não há evolução
Os líderes do agronegócio hoje concordam que precisamos dialogar muito mais com a sociedade urbana, pois sem isso não teremos aderência nas necessida...
A Ciência e o desenvolvimento: o óbvio que deve ser lembrado
Um país só se desenvolve se tiver ciência sólida que se transforme em tecnologia empregada pelo setor produtivo. Isso tem sido sobejamente demonstrad...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions