ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
FEVEREIRO, QUARTA  21    CAMPO GRANDE 28º

Cidades

Baleado depois de assassinar homem com 20 facadas morre no hospital

Daniel Henrique foi levado para hospital em Três Lagoas, mas precisou ser transferido para Campo Grande

Por Ana Paula Chuva | 11/12/2023 13:19
Danilo matou Valquírio por suposta dívida de drogas e foi executado por vingança (Foto: Reprodução | Redes Sociais)
Danilo matou Valquírio por suposta dívida de drogas e foi executado por vingança (Foto: Reprodução | Redes Sociais)

Danilo Henrique Caboclo Simões, 28 anos, morreu na Santa Casa. Ele estava internado desde o dia 25 de novembro deste ano quando foi baleado, horas depois de matar a facadas Valquírio Ferracini Neto, 33 anos. O caso aconteceu em Três Lagoas, cidade a 327 quilômetros de Campo Grande.

Segundo o boletim de ocorrência, Danilo estava em um bar na Rua Plínio Alarcon quando uma pessoa, ainda não identificada, passou em um carro e efetuou os disparos. Ele chegou a ser socorrido para o Hospital Auxiliadora, mas por conta da gravidade foi transferido para a Capital.

Ainda no hospital em Três Lagoas, ele chegou a confessar para equipe da Polícia Militar ser o autor das facadas que mataram Valquírio, o crime aconteceu horas antes no Bairro São João e a vítima teria sido assassinada por uma suposta dívida de drogas.

Ele também afirmou à polícia que acreditava ter sido baleado por alguém do mesmo bairro querendo vingar o assassinato. O carro usado pelo atirador pertencia ao primo da vítima, que afirmou ter emprestado ao irmão de Valquírio.

Na unidade hospitalar em Campo Grande, Danilo chegou a passar por uma cirurgia, mas não resistiu. Ele estava internado sob escolta e o corpo já foi levado para Três Lagoas, onde foi sepultado.

Receba as principais notícias do Estado pelo Whats. Clique aqui para acessar o canal do Campo Grande News.

* Com informações portal RCN67.

Nos siga no Google Notícias